Atacante não jogou contra o Ceará, mas assegurou que enfrenta o Atlético-PR, no sábado

Artilheiro do São Paulo na temporada com 17 gols, o atacante Dagoberto ficou de fora da estreia da equipe diante do Ceará, nesta quarta, na derrota por 2 a 1 . A ausência do camisa 25 só foi confirmada momentos antes da partida, mas o atleta admitiu que já sabia que não iria atuar em Fortaleza.

Siga o iG São Paulo no Twitter

"Isso ai foi pensado. Eu ate ia ficar aqui em São Paulo, mas como tinham poucos jogadores, só 16, pouca gente para compor o banco de reservas, eu fui. Nã vejo problema algum. É questão de inteligência. Quem critica tem que parar para pensar. Depois do jogo contra o Avaí, nós tinhamos conversado e acho que o Adilson Batista foi muito inteligente", disse Dagoberto.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

Sobre o duelo do próximo sábado, diante do Atlético-PR, o jogador fou sucínto, mas afirmou que estará em campo. "Dá para ogar tranquilo", avaliou Dagoberto. No desembarque da equipe no aeroporto de Cumbica, na tarde desta quinta, o médico José Sanchez corroborou o discurso do atacante e disse que o atleta, a princípio, vai para o jogo.

Assim como Adilson e Rhodolfo, Dagoberto acredita numa virada são-paulina contra o Ceará, atuando no Morumbi. "Foi um resultado normal, estamos tranquilo, o time vem jogando bem e vamos fazer o melhor no jogo da volta", completou o atacante, que deixou o local com bastante pressa, sem falar com torcedores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.