melhor ano no São Paulo - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Dagoberto comemora o seu melhor ano no São Paulo

Atacante começou 2010 como alvo de críticas, mas terminou como artilheiro da equipe, com 15 gols em 48 jogos

Agência Estado |

Se a temporada de 2010 não foi das melhores para o São Paulo, que não conseguiu nenhum título e ainda ficou sem a vaga para a Libertadores de 2011, o mesmo não pode se dizer de Dagoberto. O atacante começou mal o ano, sendo alvo de críticas, mas superou e terminou como artilheiro da equipe, com 15 gols em 48 jogos, além de ser o segundo maior assistente, com nove passes que resultaram em bolas na rede, ficando atrás apenas de Jorge Wagner, que teve dez.

"Foi meu melhor ano aqui no São Paulo sim. Os números mostram isso. A gente traça objetivos de títulos e ficamos perto. Mas futebol é assim. A gente tenta fazer o melhor, mas muitas vezes não acontece. Individualmente foi muito bom. Ficou um aprendizado muito grande de tudo que passamos neste ano", declarou o jogador, em entrevista publicada nesta segunda-feira pelo site oficial do São Paulo.

Dagoberto ainda afirmou ter ficado muito satisfeito com sua ligação com a torcida são-paulina ao longo do ano. Para ele, suas boas atuações, principalmente no Campeonato Brasileiro, estreitaram a relação com os torcedores.

"Quero agradecer ao torcedor pelas atitudes que eles tiveram comigo. Eles sabem o quanto eu sou grato por esta valorização. Fiquei muito feliz, de coração mesmo. A torcida são-paulina sempre ficará no meu coração", afirmou.

Dagoberto está no São Paulo deste 2007. De lá para cá, disputou 184 partidas pelo time e marcou 39 gols. O ponto mais alto do jogador neste ano foram as quartas de final da Copa Libertadores, nas quais marcou gols nos dois jogos que eliminaram o Cruzeiro da competição continental.

Leia tudo sobre: futebolsão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG