Treinador vive momento complicado à frente do Cruzeiro, que está na zona de rebaixamento do Brasileirão

Cuca vive um momento complicado à frente do Cruzeiro no dia de seu aniversário
AP
Cuca vive um momento complicado à frente do Cruzeiro no dia de seu aniversário
O técnico Cuca completa 48 anos de idade nessa terça-feira e está prestes a chegar a um ano à frente do Cruzeiro (foi anunciado em 8 de junho de 2010). Mas o treinador tem poucos motivos para comemorar, já que vive um momento de instabilidade no comando do time mineiro. A eliminação precoce na Libertadores ainda é um fantasma na Toca da Raposa II e os reflexos estão na péssima campanha do Brasileirão: o time ainda não venceu e está na zona de rebaixamento. Para piorar, o relacionamento com os jogadores parece não ser mais o mesmo.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Depois da derrota para o Fluminense, no Engenhão , Cuca reconheceu que o time vive um momento delicado. “Estamos aquém do que podemos. Depois da eliminação na Libertadores, caímos muito de produção. Fizemos um jogo de superação grande no clássico (contra o Atlético-MG) e fomos campeões (do Campeonato Mineiro) . Temos que entender a razão para buscar a recuperação”, analisou o treinador, que cobrou mais raça dos seus comandados. Nos últimos seis jogos, o time só venceu um: justamente o que deu o título estadual.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

Para piorar a situação, o volante Fabrício deixou claro na última segunda-feira que não gostou nada do corte da partida contra o Fluminense, já que reunia condições de jogo. O jogador ainda insinuou que existem problemas internos no Cruzeiro, mas preferiu não revelar quais são .

Thiago Ribeiro tentou amenizar a situação. "Quando você começa a perder, resultado ruim atrás de resultado ruim, começa a se especular um monte de coisa. Não tem nada de errado", disse o atacante.

O zagueiro Gil revelou que o técnico tem cobrado muito para que a equipe volte a ser a que encantou a todos na fase de grupos da Libertadores. “Ele está pedindo para voltar o que éramos antes. Sabemos da nossa qualidade, provamos a todos no primeiro semestre. É voltar ao que fizemos para conquistar a primeira vitória no campeonato e crescer ainda mais na competição”, disse Gil.

Retrospecto
Cuca chegou ao Cruzeiro durante a paralisação do Brasileiro do ano passado para a disputa da Copa do Mundo. O treinador reergueu a equipe e chegou ao vice-campeonato. Em 2011, teve um início avassalador, com a melhor campanha da primeira fase da Libertadores e do Mineiro.

Todavia, o bom momento foi interrompido pela surpreendente eliminação nas oitavas de final do torneio continental para o Once Caldas, da Colômbia . O título do Campeonato Mineiro sobre o maior rival amenizou as críticas, mas o começo ruim no Brasileirão preocupa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.