Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cuca afirma que não faltou entrega dos jogadores e crê na reação

O treinador do Atlético-MG disse que os atletas ficaram abatidos e demonstraram ter vergonha na cara

Gazeta |

O técnico Cuca , na estreia no comando do Atlético-MG , admitiu que o Botafogo soube ser mais eficaz que a sua equipe, e que por isso, saiu de campo com a vitória nesta quarta-feira , no Ipatingão. O treinador disse que os atletas ficaram abatidos e demonstraram ter vergonha na cara, um sinal de que o time atleticano tem condições de reagir e acabar com a fase ruim.

Siga o iG Atlético-MG no Twitter e receba todas as informações do seu time

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

"O Botafogo foi muito eficaz. A gente não pode jogar fora de maneira alguma a luta que o pessoal teve. A torcida tem toda razão em reclamar, em questionar o resultado, mas ninguém se poupou de lutar, de se entregar dentro de campo. Estão abatidos, e isso é prenuncio de vergonha na cara, que eles têm, e estão sentidos, e isso para mim é bom sinal, mostra que as coisas vão mudar", disse Cuca.

O treinador atleticano declarou que observou o time muito ansioso durante o jogo, fruto da fase ruim no Campeonato Brasileiro. Para Cuca, somente na hora que os resultados começarem a aparecer é que as coisas vão passar a ocorrer de forma natural, e a ansiedade será afastada do Atlético-MG.

"Eu senti uma ansiedade muito grande, e no futebol, um esporte de altíssimo rendimento, e pressionados como eles estão, as coisas não saem ao natural, e para isso não tem remédio. É o resultado de campo que vai trazer essa calma", frisou Cuca, que acredita que o jogo diante do Coritiba é o momento ideal para marcar a reação da equipe. "É um jogo de alto risco, mas que você pode ter uma superação, buscar a vitória, e ter a sequência que buscamos", finalizou.

Leia tudo sobre: Atlético-MGCopa Sul-Americana 2011Cuca

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG