Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cruzeiro-RS volta a surpreender e elimina o Inter no Beira-Rio

Time da casa saiu na frente, mas não segurou o resultado. Cruzeiro levou a melhor nas penalidades

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

O Inter está eliminado do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. O time B jogou mal e empatou em 1 a 1 com o Cruzeiro de Porto Alegre. Poderia até mesmo ter perdido durante a bola rolando, pois foi dominado na segunda etapa. O mesmo adversário já havia batido o Inter na estreia da competição.

nullRicardo Goulart colocou o Inter na frente aos 8 minutos do segundo tempo e Diego Torres empatou aos 37. No tempo normal: 1 a 1. Nas cobranças de pênalti o meia-atacante Marquinhos bateu mal e errou. O Cruzeiro desperdiçou a cobrança seguinte e manteve o Inter vivo. Na sequência, Agenor bateu o pênalti, errou, e o Cruzeiro venceu por 5 a 4.

O time entrou em campo com duas novidades. O zagueiro Romário, que retornou da seleção brasileira sub-20 e o goleiro Agenor. A pedido de Celso Roth o camisa 1 foi utilizado para ser melhor observado.
Só o time da casa jogou no primeiro tempo. O Inter dominou o Cruzeiro, mas não conseguiu criar muitas chances de gol. Na melhor delas, Marquinhos tentou um toque por cobertura e a bola foi pra fora.

O Inter piorou no segundo tempo, viu o Cruzeiro vir pra cima, mas conseguiu o gol. Élton armou o contra ataque e Ricardo Goulart marcou. O Cruzeiro seguiu pressionando e chegou ao empate: Diego Torres marcou.

O próximo compromisso será na quarta-feira. O time titular recebe o Jaguares, às 21 horas e 50 minutos, pela segunda rodada da Libertadores. O Cruzeiro aguarda o vencedor de Grêmio x Ypiranga para conhecer o adversário na semifinal. O Inter B só voltará a campo no segundo turno do estadual.


O Jogo:

O primeiro tempo foi de domínio do Inter, mas de escassas chances de gol. Na melhor delas, aos 17 minutos, Ricardo Goulart deixou Marquinhos na cara do gol. O garoto tentou encobrir o goleiro, mas chutou pra fora. Ricardo Goulart foi o que o torcedor viu de melhor no primeiro tempo, ele tentou coordenar os lances ofensivos, mas sem muito sucesso.

Lucas Uebel/VIPCOMM
Roth acompanhou o jogo nas cabines do Beira-Rio
Ricardo teve um chute de longe que o goleiro defendeu. Outro de perto quer pegou na rede pelo lado de fora e uma tentativa de cabeçada sem sucesso. Guto foi quem conseguiu a outra finalização a gol. Ele completou aos 33 um cruzamento de Kléber Silva, mas o goleiro Fábio pegou fácil.

O goleiro Agenor fez a sua estreia na temporada. Poderia ter tomado um cafezinho durante a primeira etapa. Ou uma água bem gelada para aliviar o calor de mais de 30 graus. O Cruzeiro não levou perigo. De mais difícil o camisa 1 teve que cortar um cruzamento aos 45 minutos.

A segunda etapa começou diferente. O cruzeiro partiu para o ataque, mas foi o Inter que abriu o placar. No contragolpe, aos 8 minutos, Élton acertou um belo cruzamento para Ricardo Goulart. O meia teve qualidade para dominar, avançar e deslocar o goleiro.

O Cruzeiro seguiu pressionando. O chute de Diego Torres passou perto do gol. Agenor ainda salvou um bate e rebate quase em cima da linha. E contou com a ajuda da trave quando Rafael finalizou. Tudo isso antes dos 20 minutos.

O adversário seguiu dominando e foi premiado. Diego Torres bateu de longe aos 37 minutos e o goleiro Agenor não conseguiu chegar na bola: 1 a 1. O placar não foi mais movimentado, mas se alguém tivesse que sair vencedor seria o Cruzeiro. O adversário dominou quase toda a segunda etapa.

Nos pênaltis, Marquinhos e Agenor erraram as cobranças. Guto, Juliano, Marquinhos e Thiago Humberto converteram. O Cruzeiro só perdeu uma penalidade e ganhou por 5 a 4.
 

FICHA TÉCNICA – INTERNACIONAL 1X1 CRUZEIRO (Pênaltis: 4 x 5)

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 19 de fevereiro de 2011, no sábado
Horário: 17 horas
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves de Lima
Auxiliares: Marcelo Oliveira e Silva e João Lúcio Monteiro
Renda: 97.550,00
Público: 5.157 torcedores
Cartão amarelo: Massari (Internacional); Alberto, Diego Torres (Cruzeiro)

GOLS:
Inter: Ricardo Goulart, aos 8 minutos do segundo tempo.
Cruzeiro: Diego Torres, aos 37 minutos do seguno tempo.

INTERNACIONAL: Agenor; Kléber Silva (Milton Jr), Rodrigo Moledo, Romário e Massari (Dalton); Juliano, Élton, Thiago Humberto, Marquinhos e Ricardo Goulart (Marinho); Guto.
Técnico: Enderson Moreira.

CRUZEIRO: Fábio, Márcio, Léo, Sandro e Zadda; Alberto, Almir, Faísca e Diego Torres (Léo Maringa); Adriano (Juninho Botelho) e Jô.
Técnico: Leocir Dall´Astra.

 

Leia tudo sobre: InternacionalCampeonato Gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG