Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cruzeiro vence o Uberlândia no primeiro jogo da temporada

Amistoso serviu para o técnico Cuca definir o time que irá estrear no Campeonato Mineiro contra a Caldense

Gazeta |

Debaixo de muito calor no Triângulo Mineiro, o Cruzeiro venceu o Uberlândia por 3 a 0, em amistoso realizado neste domingo, no estádio Parque do Sábia, em Uberlândia. A partida serviu como observação para o técnico Cuca montar a equipe do Cruzeiro para a estreia do Campeonato Mineiro, que acontece no próximo dia 30, contra a Caldense, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Os gols do jogo foram marcados por Diego Renan, Dudu e Caetano, contra.

A torcida celeste teve a oportunidade de acompanhar o desempenho dos estreantes Naldo, Fabrício Carioca e Reis, que foi o único que começou como titular, substituindo Wellington Paulista, que se recupera de uma contusão na panturrilha esquerda.

O técnico Cuca começou o amistoso escalando o Cruzeiro com: Fábio, Rômulo, Gil, Léo e Diego Renan; Marquinhos Paraná, Henrique, Gilberto e Montillo; Thiago Ribeiro e Reis. No segundo tempo, o treinador celeste fez várias mudanças no time, para observar a performance dos atletas.

Para o Uberlândia, o jogo serviu para o treinador, Moacir Júnior, preparar a equipe que vai disputar o módulo II do Campeonato Mineiro. O time do Triângulo, já havia feito alguns amistosos com times de menor expressão do interior de São Paulo, e estava invicto na temporada.

O jogo

O forte calor contribuiu para que o amistoso entre Cruzeiro e Uberlândia fosse jogado de forma cadenciada pelas duas equipes, prova disso, é que o primeiro arremate ao gol, só aconteceu aos dez minutos, em um chute de fora área, que passou sobre a trave do goleiro cruzeirense Fábio.

Apesar da boa movimentação e do toque de bola refinado no meio-campo, a equipe do Cruzeiro não conseguia levar perigo ao gol do arqueiro Rodrigo Posso. Dessa forma, o Uberlândia passou a acreditar que poderia atacar a Raposa, e isso passou a ser feito, aos 27, o armador Hugo tentou surpreender Fábio, em uma tentativa de marcar de bicicleta.

Aos 39, o primeiro chute a gol de real perigo do Cruzeiro foi parar no fundo das redes do Uberlândia. O lateral esquerdo, Diego Renan, apareceu na entrada da área e finalizou com perfeição para abrir o placar para a Raposa.

Na etapa complementar, o técnico Cuca lançou mão do seu banco de reservas. Foram sacados do time o meia Gilberto e o atacante Reis, para a entrada de Roger e Dudu, dessa forma, o comandante celeste alterou a postura tática da equipe no setor ofensivo. A alteração funcionou, e aos sete minutos, Dudu recebeu lançamento em profundidade, de Roger, e ampliou o placar para o Cruzeiro.

Dando sequência as substituições, aos 13, Thiago Ribeiro deu lugar ao atacante Wallyson e Gil foi substituído por Edcarlos. Em seguida saíram Rômulo, Montillo, Léo e Diego Renan, para a entrada de Pablo, Pedro Ken, Naldo e Fabrício Carioca respectivamente. Por fim, Fábio foi sacado para que o goleiro Rafael, pudesse participar do jogo.

Aos 22, o terceiro gol do Cruzeiro saiu depois de cruzamento pela direita, que o zagueiro do Uberlândia, Caetano, empurrou para as próprias redes, marcando gol contra. Mesmo com vantagem no marcador, o Cruzeiro tentou ampliar o placar, mas o jogo ficou mesmo no 3 a 0.

Leia tudo sobre: CruzeiroCampeonato Mineiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG