Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cruzeiro falha na pontaria e fica no empate sem gols com o Tupi

Time de Cuca criou muitas oportunidades e argentino Montillo perdeu até pênalti em Juiz de Fora

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O Cruzeiro até que teve muitas oportunidades para voltar de Juiz de Fora com os três pontos, mas a falta de precisão nas finalizações e a noite feliz do goleiro adversário fizeram com que o time da capital ficasse apenas em um empate sem gols com o Tupi, nessa quarta-feira.

O time cruzeirense perdeu boa chance de assumir a ponta da tabela do Campeonato Mineiro, já que a partida foi adiantada da décima rodada e os rivais só entram em campo no fim de semana. O América-MG ainda é o líder da competição, com os mesmos 13 pontos do Cruzeiro, só que com saldo de gols melhor.

Quem pensou que a formação com três volantes escolhida por Cuca seria um empecilho para a chegada ao ataque se enganou. Com toque de bola veloz, o time da capital não teve dificuldades para criar suas chances.

AE
Cruzeiro falhou nas finalizações e não saiu do zero com o Tupi, em Juiz de Fora
O primeiro tempo foi um verdadeiro bombardeio do Cruzeiro para cima do Tupi. Logo aos 6 minutos, o zagueiro do Tupi falhou e a bola sobrou para Thiago Ribeiro, que só não marcou pois outro defensor fez bem a cobertura e impediu a finalização do atacante cruzeirense. No minuto seguinte, Henrique penetrou com classe pela esquerda e achou Montillo no meio da área. O argentino bateu e exigiu a primeira de muitas participações do goleiro Rodrigo.

Com o campo pesado por causa da chuva, Montillo continuava tentando. O camisa 10 puxou para o meio e soltou uma bomba, acertando o travessão do gol adversário. Aos 22 minutos, o Tupi teve sua única chance no primeiro tempo. Em uma rebatida errada da defesa do Cruzeiro, a bola sobrou para Marcel, que finalizou com força e exigiu ótima defesa de Fábio.

Sem um atacante de referência na área, Wallyson e Thiago Ribeiro davam trabalho pelas pontas. Em um lance de perigo, Thiago Ribeiro arriscou de fora da área e Rodrigo salvou no ângulo. Wallyson também tentou, mas parou nas mãos do goleiro do Tupi.

Já no fim da primeira etapa, Wallyson entrou driblando na área e foi derrubado por Paulo Henrique. O juiz assinalou a penalidade. E a bola teimou em não entrar na primeira etapa. Montillo correu para a cobrança e bateu com força, acertando novamente o travessão. Na saída para os vestiários, os jogadores reclamaram das chances desperdiçadas. “Acertamos duas bolas na trave e o goleiro deles foi muito bem”, lamentou-se Thiago Ribeiro

Para o segundo tempo, André Dias entrou no lugar de Montillo, que sentiu o joelho esquerdo e foi poupado. E a noite de Rodrigo era mesmo das mais inspiradas. Depois de boa tabela, Everton saiu na cara do gol e o arqueiro do Tupi defendeu novamente. No rebote, André Dias cruzou e o mesmo Everton desperdiçou outra chance clara.

A ausência de armadores diminuiu o ritmo ofensivo do Cruzeiro. Percebendo isso, o técnico Cuca promoveu a entrada do jovem Dudu, que pouco produziu. O argentino Farías também teve sua chance, mas a bola não chegava ao ataque e ninguém conseguiu tirar o zero do placar em Juiz de Fora.

FICHA TÉCNICA - TUPI 0x0 CRUZEIRO

Local: Estádio Municipal radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG)
Data: 9 de março de 2011, na quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Jair Albano Félix (MG)
Público:  4.349 pagantes
Renda:  R$ 60.880,00
Cartões amarelos: Leandro Guerreiro, Victorino, Thiago Ribeiro e Rômulo (CRU); Assis, Claudinho Baiano, Paulo Roberto e Yan (TUP)

TUPI: Rodrigo; Leonardo (Wesley Ladeira), Paulo Roberto, Fabrício Soares; Felipe Cordeiro, Assis, Marcel, Michel, Michel Cury (Evandro Teixeira) e Claudinho Baiano (Evandro); Yan
Técnico: Leonardo Condé

CRUZEIRO: Fábio, Rômulo (Dudu), Gil, Victorino e Everton; Leandro Guerreiro, Marquinhos Paraná (Farías), Henrique e Montillo (André Dias); Wallyson e Thiago Ribeiro
Técnico: Cuca
 

Leia tudo sobre: CruzeiroCampeonato Mineiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG