Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cruzeiro de Joel Santana é letal nos minutos finais

Enquanto o time de Cuca sofria no final, o de Joel mostra gás para abater adversários no apagar das luzes

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Sob o comando do técnico Cuca no Brasileirão, o Cruzeiro não conseguia manter a regularidade e, geralmente, caía de produção no final das partidas e perdia pontos preciosos. Mas isso parece ter mudada com a chegada de Joel Santana ao time mineiro. Nas duas partidas sob o comando do treinador, as vitórias vieram nos minutos finais.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Contra o Coritiba, o gol de Montillo que selou a vitória por 2 a 1 foi marcado aos 39 minutos do segundo tempo. Já contra o Vasco, o mesmo Montillo marcou aos 43 e Roger aos 46 minutos do segundo tempo, confirmando a suada vitória por 3 a 0. Os dados são do Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Apesar do sucesso nos dois jogos, Joel acha que o time ainda não tem a sua cara. “Não tem a cara do Joel ainda. São só dois jogos, um espaço de tempo curto com a necessidade de vitórias. Fiz só três (treinos) táticos semana passada .Futebol precisa de repetições”, explicou o treinador.

Já o meia Montillo parece ter aprovado o estilo de jogo de Joel Santana, mais fechado e esperando o adversário para sair no contra-ataque. “Se eles (adversários) saírem para buscar o resultado, temos jogadores que fazem a diferença do meio para frente e foi o que aconteceu hoje (diante do Vasco)”, concluiu o armador.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011Joel Santana

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG