Treinador do time carioca acha que outros times ainda têm chance, mesmo com distância de cinco pontos

nullRestando apenas quatro rodadas para o final do Campeonato Brasileiro , Vasco e Corinthians abriram cinco pontos de vantagem para o terceiro e o quarto colocados, respectivamente  Fluminense e Figueirense . Com 61 pontos, os dois times venceram na rodada e têm empolgado suas torcidas. Porém, para o técnico Cristóvão Borges, a briga pelo título não está restrita aos dois primeiros colocados.

Veja mais: Vasco segue em segundo no Brasileirão. Veja a tabela atualizada

“Com certeza não está só entre a gente não. O campeonato ainda está aberto, não e só Vasco e Corinthians. Estamos um pouco mais afastados agora, mas teremos jogos duríssimos até o fim. Sabemos que o campeonato vai ser assim, esse ‘ganha e perde’. Essa distância é boa, claro, mas não é nada definitivo”, disse o treinador do Vasco.

Leia também: Cristóvão Borges comemora volta ao Engenhão após drama de Ricardo Gomes

O próprio Vasco, que aparece na segunda colocação, vinha de dois jogos sem vitória no Brasileirão até a vitória contra o Botafogo, neste domingo . Para o técnico Cristóvão Borges, o segredo para conquistar o título está em controlar a pressão de um torneio com tantas reviravoltas e tropeços inesperados.



“O melhor vai ser quem chegar à frente no final, mas conversei com eles (jogadores) na semana passada e vejo a cada dia, a cada rodada, que quem conseguir administrar a pressão de estar na frente, quem souber lidar com isso da melhor maneira, irá chegar ao título”, analisou Cristóvão Borges.

Veja também: Técnico do Vasco explica mudança tática na vitória sobre o Botafogo

Outro ponto de apoio do Vasco em busca do título é a torcida. Contra o Botafogo, os vascaínos esgotaram sua cota de ingressos e lotaram o Engenhão. Cristóvão Borges fez questão de destacar que a força das arquibancadas pode ser decisiva.

Leia mais: Vasco vence clássico contra o Botafogo e segue na cola do Corinthians

“A relação com a torcida a gente só aplaude. Ela dá show, joga junto com a gente. Percebemos os adversários preocupados quando vão jogar em São Januário porque sabem disso. A pressão é a nossa torcida feliz, contente com a temporada que o time vem fazendo. Isso não é novidade para nós e eles vão ser fundamentais nessa reta final”, finalizou o treinador vascaíno.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba as notícias da sua equipe em tempo real

O Vasco volta a campo na próxima quarta-feira, às 21h50, contra o Palmeiras , no Pacaembu. Com 61 pontos, o time de São Januário segue em segundo lugar no Campeonato Brasileiro atrás do Corinthians, que tem o mesmo número de pontos, mas lidera por ter uma vitória a mais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.