Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cotado no São Paulo, Cuca evita o assunto e foca na decisão

Treinador não quis falar sobre o possível interesse do time paulista para não perder o foco no clássico

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Vipcomm
Cuca preferiu não falar sobre possível interesse do São Paulo às vésperas do clássico
O técnico Cuca é um dos mais cotados para assumir o São Paulo depois da eliminação do time paulista na Copa do Brasil e a da demissão de Paulo César Carpegiani. Cuca já passou pelo São Paulo em 2004 e seria um dos nomes que mais agradam a diretoria comandada pelo presidente Juvenal Juvêncio. O atual treinador do Cruzeiro preferiu não falar sobre o assunto às vésperas da decisão do Campeonato Mineiro.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Em sua entrevista coletiva nessa sexta-feira, Cuca foi perguntado sobre um possível interesse do São Paulo e desviou o assunto. “Sinceramente hoje é sexta-feira, estamos a menos de 48 horas de uma decisão que trabalhamos o ano inteiro para chegar. O que menos quero é perder o foco da decisão. Se eu vier a falar isso aqui eu vou estar perdendo o foco da decisão. Estou mobilizado com o grupo. Já pensou eu responder uma outra situação, como os meus jogadores vão se sentir? Então estou preparado para o jogo. Queremos de todas as formas a vitória para ser campeão”, disse o treinador do Cruzeiro.

Em agosto do ano passado, durante o Campeonato Brasileiro, a diretoria do Cruzeiro revelou que o próprio São Paulo teria feito uma proposta a Cuca depois da queda de Ricardo Gomes, mas o técnico recusou para seguir no time mineiro. Um fator contrário à ida de Cuca para o São Paulo seria a resistência do goleiro e líder do time Rogério Ceni ao nome do treinador.

Troca?
O boato de que Luiz Felipe Scolari, atual técnico do Palmeiras, poderia assumir o Cruzeiro caso o time não conquiste o Campeonato Mineiro cresce a cada dia. Na última quarta-feira, Cuca disse não temer o futuro e que o assunto sobre sua demissão deve ser tratado pela diretoria do Cruzeiro.
 

Leia tudo sobre: CruzeiroCucaSão Paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG