Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Coritiba vence reservas do Santos com gol de Leonardo

Reservas do time paulista não resistiram à pressão do Coritiba e sofreram gol aos 16 do segundo tempo

Gazeta |

nullO Coritiba conquistou mais uma vitória no Campeonato Brasileiro. Com uma boa atuação no segundo tempo, traduziu o domínio que teve sobre os reservas do Santos , ganhando por 1 a 0, gol do atacante Leonardo , na noite deste domingo, no Couto Pereira.

Confira a classificação do Brasileirão

O resultado positivo fez os paranaenses ultrapassarem o Santos na tabela de classificação, alcançando a nona posição, com 54 pontos. Em contrapartida, os santistas caíram para o 10° lugar, com 52 pontos ganhos.

O Santos voltar a jogar na próxima rodada, a penúltima do Brasileirão, diante do Bahia, no próximo domingo, às 17 horas (horário de Brasília), na Vila Belmiro. Enquanto isso, o Coritiba atua novamente no Couto Pereira, no mesmo dia e horário, contra o já rebaixado Avaí, lanterna da competição.

O jogo

Jogando em casa, o Coritiba iniciou a partida em busca do gol. Com o Santos se defendendo bem nos primeiros minutos, a primeira chance dos paranaenses surgiu em cobrança de falta. Léo Gago, aos 10, soltou uma bomba, de perna esquerda, mas a bola passou perto do ângulo esquerdo de Aranha, balançando as redes pelo lado de fora.

O Coritiba voltou a assustar aos 24, quando Jonas cruzou para a área, a bola sobrou para Leonardo, que bateu por cima do gol, desperdiçando a oportunidade criada por sua equipe.

Dois minutos depois, Davi recebeu de Everton Costa, fez o girou, mas o seu chute saiu fraco, facilitando a defesa de Aranha. No minuto seguinte, Davi deixou o campo substituído por Everton Ribeiro, por conta de uma lesão.

Melhor em campo, porém, com o seu setor ofensivo pouco inspirado na primeira etapa, o Coritiba ainda perderia mais uma boa chance antes do intervalo. Aos 42, Léo Gago encontrou Lucas Mendes, em bom passe rasteiro, mas o lateral esquerdo do time paranaense mandou a bola sobre o gol de Aranha.

Na volta para o segundo tempo, o técnico da equipe paranaense, Marcelo Oliveira, resolveu se arriscar mais em busca do gol, com a entrada do meia angolano Geraldo no lugar do ala esquerdo Lucas Mendes.

A modificação de Oliveira surtiu efeito e o Coritiba intensificou a sua pressão sobre os santistas. Logo nos primeiros minutos da etapa complementar, Aranha foi obrigado a fazer boas defesas nos chutes de Everton Costa e Everton Ribeiro, respectivamente.

Principal jogador do Coritiba no começo do segundo tempo, Rafinha assustou Aranha ao soltar um forte chute de fora da área, mandando a bola na trave e quase abrindo o placar a favor do seu time. Na sequência, aos 11, o zagueiro Pereira exigiu boa defesa de Aranha, em cabeçada após cobrança de escanteio.

De tanto insistir, o Coritiba, enfim, abriu o marcador. Aos 16, o centroavante Leonardo aproveitou bom cruzamento vindo da esquerda e, de cabeça, tocou a bola para o fundo das redes, sem chances para Aranha: 1 a 0 para os donos da casa.

Em vantagem, o Coritiba ainda teve Willian entrando na vaga de Everton Costa e continuou pressionando. Aos 31, o time paranaense quase ampliou a sua vantagem quando Léo Gago, de cabeça, fez Aranha trabalhar mais uma vez.

O Santos ainda tentou pressionar o adversário no fim do jogo, porém, com pouca criatividade ofensiva, não teve forças para empatar. Desta forma, o Coritiba aproveitou e saiu do Couto Pereira com os três pontos.

 FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1 x 0 SANTOS

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 20 de novembro de 2011, domingo
Horário: 19 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Carlos Berkenbrock (Fifa-SC)
Cartões amarelos: Willian e Everton Ribeiro (Coritiba); Leandro Silva, Ibson e Rodrigo Possebon (Santos)

Gol: CORITIBA: Leonardo, aos 16 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Vanderlei; Jonas, Jéci, Pereira e Lucas Mendes (Geraldo); Leandro Donizete, Léo Gago, Davi (Everton Ribeiro) e Rafinha; Everton Costa (Willian) e Leonardo
Técnico: Marcelo Oliveira

SANTOS: Aranha; Leandro Silva (Crystian), Bruno Aguiar, Vinícius Simon e Éder Lima; Anderson Carvalho, Rodrigo Possebon, Ibson e Felipe Anderson; Diogo e Alan Kardec
Técnico: Tata (interino)

Leia tudo sobre: brasileirão 2011coritibasantos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG