Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Coritiba vence, mas Figueirense está de volta à Série A

Apesar da vitória e da festa em casa, o título do time paranaense ficou para a próxima rodada

Gazeta Esportiva |

O Coritiba já fez sua parte para garantir o título da Série B do Campeonato Brasileiro. O time bateu o Figueirense, adversário direto, por 2 a 1, no estádio Couto Pereira, neste sábado, mas terá que esperar até a próxima rodada para festejar o título. Os catarinenses, apesar da derrota, garantiram matematicamente o acesso graças à derrota da Portuguesa para o Bahia no fechamento da rodada.

O caminho para a conquista do Coritiba começou a ser construído, aos 10 minutos da primeira etapa, com uma cobrança de falta de Marcos Aurélio na cabeça de Jeci, que desviou de cabeça para o fundo das redes. O segundo foi de Rafinha, aos 16 minutos, tirando o defensor e arrematando no ângulo. Aos 38 minutos, Reinaldo cobrou pênalti, Edson Bastos deu rebote e o atacante descontou.



Na próxima rodada, a penúltima da competição, o Coritiba enfrenta o Icasa, sábado, no estádio Mauro Sampaio. Já o Figueirense enfrenta o Guaratinguetá, no Dário Rodrigues Leite, no interior paulista. O time catarinense segue no G4, mas ainda não confirmou seu retorno para a primeira divisão, o que pode acontecer com uma vitória na próxima rodada.

O jogo 
Com os dois times buscando o mesmo objetivo, a partida começou movimentada, com muita disposição do ataque, e ainda mais dos setores de marcação. O Figueira chegou em velocidade com Fernandes que, na hora do último passe, foi interceptado pela zaga coxa-branca. Aos oito minutos, novamente Fernandes, que ajeitou com categoria e arrematou para fora. A reposta alviverde, no entanto, foi certeira. Aos dez, Marcos Aurélio cobrou falta e Jeci, de cabeça, abriu o placar.

O resultado deixava o time da casa apenas da dependência de um tropeço do Bahia para levantar a taça, mas os jogadores queriam mais. Aos 16 minutos, Rafinha, que quase ficou de fora da partida por lesão, recebeu passe açucarado, abriu espaço na defesa e bateu no ângulo para fazer o segundo. Aos 23, Cleiton, com liberdade na área, tocou de cabeça para fora, perdendo uma chance incrível.

O Coritiba mostrava tranquilidade em campo e dominava o adversário. Aos 30, Marcos Aurélio fez o levantamento e a bola passou por todo mundo antes de sair pela linha de fundo. Porém, aos 37 minutos, Enrico derrubou Bruno na área e o árbitro marcou a penalidade. Na cobrança, Reinaldo parou nas mãos de Edson Bastos, mas aproveitou o rebote para marcar.

No segundo tempo, o ritmo caiu um pouco e o Figueira passou a dar menos espaços, buscando também o empate. Aos quatro minutos, Ygor recebeu lançamento, mas bateu sem direção, para fora. Aos 11, cobrança de escanteio para os catarinenses e, após indefinição, Pereira tirou da área para salvar.

Preocupado com a queda de rendimento do Alviverde, Ney Franco colocou em campo o angolano Geraldo para incendiar. Aos 16 minutos, cruzamento para Leonardo, que desviou de leve, pela linha de fundo. O Coxa acordou e voltou a atacar o adversário. Aos 19, Rafinha fez o cruzamento, Marcos Aurélio arrematou no cantinho e Wilson fez linda defesa. Na resposta, Reinaldo tentou surpreender Edson Bastos de longe e isolou a bola.

Os paranaenses perdiam grandes oportunidades para matar o jogo, como aos 26, com Rafinha tabelando com Leandro Donizete, com direito a toque de calcanhar, e batendo para fora, com perigo. Aos 35, Rafinha de novo invadiu a área e fuzilou para outra boa defesa de Wilson, que cedeu escanteio. Outra chance desperdiçada aos 41, com Leonardo, que bateu desequilibrado após passe de Geraldo. Com o apito final, saiu da garganta do torcedor o grito de campeão, independentemente do final da rodada.

FICHA TÉCNICA - CORITIBA 2 x 1 FIGUEIRENSE

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 13 de novembro de 2010, sábado
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (ES)
Assistentes: Marcia B. Lopes Caetano (Fifa-RO) e Wilson Goncalves de Aquino (RO)
Cartões amarelos: Enrico, William, Leonardo, Pereira e Cleiton (Coritiba); Maicon, Ygor, Tulio e Juninho (Figueirense)
Gols: CORITIBA: Jeci, aos 10 minutos, e Rafinha, aos 16 minutos do primeiro tempo
FIGUEIRENSE: Reinaldo, aos 38 minutos do primeiro tempo

CORITIBA: Edson Bastos; Jeci, Cleiton e Pereira; Ângelo (Geraldo), Leandro Donizete, Léo Gago, Rafinha e Enrico (William); Marcos Aurélio (Tcheco) e Leonardo
Técnico: Ney Franco

FIGUEIRENSE: Wilson; Bruno Vieira (Pedro Carmona), Roger Carvalho, João Paulo e Juninho; Ygor, Tulio, Maicon e Fernandes (Vinicius Pacheco); Willian (Roberto Firmino) e Reinaldo
Técnico: Márcio Goiano

 

Leia tudo sobre: coritibafigueirensebahiaamérica-mgsérie bfutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG