Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Coritiba derrota o Ypiranga-RS em casa e segue para segunda fase

Depois de fazer 1 a 0 em Erechim, time paranaense ganhou por 2 a 0 e aguarda adversário na Copa do Brasil

Gazeta Press |

Foi mais difícil do que a torcida esperava, mas o Coritiba venceu o Ypiranga-RS, por 2 a 0, no Estádio Couto Pereira, e garantiu a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. O time de Erechim, que vinha de uma desclassificação no Campeonato Gaúcho, agora se despede do caminho mais curto para a Libertadores da América.

Depois de uma primeira etapa equilibrada, com os visitantes bem fechados e o time alviverde dando muito espaço, depois do intervalo saíram os gols. Aos 31 minutos, Rafinha fez a jogada e deu passe açucarado para o lateral Eltinho, que teve tranqüilidade para chutar no cantinho e balançar as redes. Aos 37 minutos, o próprio Rafinha fez o dele.

Na próxima fase, o Coritiba vai enfrentar quem vencer o confronto entre Brusque e Atlético Goianiense. Enquanto isso volta suas atenções para o Campeonato Paranaense, onde só cumpre tabela no final de emana, pela última rodada do primeiro turno, diante do Cianorte.

Gazeta Press
Eltinho marcou o primeiro gol coxa-branca nesta quinta-feira

O jogo
Claramente com uma postura defensiva, especialmente no meio campo, os gaúchos impediam a progressão das jogadas coxas-brancas antes mesmo da intermediária. No contra-ataque, o Canarinho tentava beliscar alguma coisa, como aos oito minutos, em cruzamento perigoso que Emerson se esticou todo para afastar. Aos 10 minutos, Giovani fez o levantamento e, na confusão, Edson Bastos deixou a meta para afastar.

Apesar de mostrar superioridade, pelo menos em relação a posse de bola e qualidade, o Alviverde dava muitos espaços ao adversário, que aproveitava. Aos 16 minutos, Rafael Santiago recebeu, girou o corpo e arrematou com perigo, pela linha de fundo. A resposta do Coritiba veio com uma bomba de Léo Gago, em cobrança de falta aos 18 minutos. Marcos Aurélio, também de bola parada, desperdiçou uma chance aos 26 minutos.

O Coritiba continuava com muita dificuldade e só chegava nas cobranças de faltas, que eram muitas. Aos 32 minutos, Marcos Aurélio tentou surpreender o goleiro, que estava adiantado, mas exagerou na força. A equipe da casa açodou e, aos 35 minutos, Eltinho chutou para linda defesa de Luis Carlos. Após 44 minutos, o gol mais feito da partida. Bill serviu a Marcos Aurélio, que chutou pela linha de fundo.

No segundo tempo, tentando melhorar a criatividade do meio campo, o técnico Marcelo Oliveira apostou na entrada do experiente Tcheco. Aos três minutos, Marcos Aurélio cobrou falta e nocauteou Pansera, que estava na barreira. Aos seis minutos, Marcos Aurélio tentou bater de primeira, bonito, mas para fora. O Coritiba pressionava mais e o Ypiranga continuava de olho nos contra-ataques.

Bill chegou atrasado, aos 16 minutos, e perdeu um cruzamento na medida de Rafinha, que fez a jogada individual antes do levantamento com efeito. Os gaúchos voltaram a chegar ao ataque, aos 20 minutos, em cobrança de falta de Giovani que, após desvio, saiu em escanteio. Até que, aos 26 minutos, para revolta dos jogadores do Ypiranga, o árbitro viu toque de mão e marcou a penalidade. Na pressão, os jogadores mudaram a idéia da arbitragem.

Porém, o Alviverde não precisou do pênalti não marcado para abrir o placar. Aos 31 minutos, em um ataque em alta velocidade, Eltinho recebeu de Rafinha e bateu no cantinho para balançar as redes. Aos 37 minutos foi a vez do próprio Rafinha, com um petardo, deixar sua marca. A contagem poderia ser maior se Bill, aos 43 minutos, não tivesse chutado em cima do goleiro depois de receber com liberdade.


FICHA TÉCNICA - CORITIBA 2 x 0 YPIRANGA-RS

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 24 de fevereiro de 2011, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Milton Etsuo Ballerini (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Celso Barbosa de Oliveira (SP)

Cartões amarelos: Eltinho (Coritiba); Thiago Gasparino, Rafael Santiago e Glauco(Ypiranga)

Gols:
Coritiba: Eltinho, aos 32 minutos e Rafinha, aos 37 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Édson Bastos; Jonas, Pereira, Emerson e Eltinho; Leandro Donizete, Léo Gago , Davi (Tcheco) e Rafinha; Marcos Aurélio e Bill.
Técnico: Marcelo Oliveira

YPIRANGA: Luis Carlos; Glauco, Thiago Gasparino, Mateus e João Paulo; Branco, Gilvan (Silvestre), Rafael Santiago e Giovani; Thiago Pereira e Pansera.
Técnico: Agenor Piccinin

Leia tudo sobre: coritibacopa do brasil 2011ypirangaeltinhorafinha

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG