Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corintianos vêem duelo contra o São Paulo como chave na campanha

No momento mais crítico, Corinthians empatou no Morumbi e arrancou para o título

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O Corinthians teve alguns jogos chave na campanha do seu pentacampeonato brasileiro , mas houve certo consenso entre os corintianos de que o duelo contra o São Paulo no segundo turno, que terminou empatado em 0 a 0, foi um dos mais importantes. O time acabara de perder a liderança, caíra para o quarto lugar e uma derrota daria ao rival quatro pontos de vantagem.

null

“Foi um divisor de águas. Estávamos em momento ruim e uma derrota seria péssima para nós. A gente talvez não teria forças para buscar”, disse o zagueiro Paulo André, que passou a ser titular naquela partida, a primeira depois da saída de Chicão da equipe. O ex-capitão não voltou a ser titular e com uma nova defesa o Corinthians se reencontrou.

Leia ainda: Adriano fez "gol do título", mas agora encara seu maior desafio

Antes do clássico, válido pela 25ª rodada do Brasileirão, o Corinthians perdera para o Santos e com a derrota a liderança também foi perdida pela primeira vez. A torcida pressionou, foi ao CT do clube, pediu a cabeça de Tite e alguns jogadores se reuniram no hotel que a equipe estava concentrada antes do clássico.

“Do (jogo contra o) São Paulo para cá a gente se reencontrou. Foi um marco para todo mundo. Mudou muita coisa e não perder aquele jogo deu um novo ânimo ao time”, disse o meia Alex. Com o empate, o Corinthians chegou a 43 pontos, na terceira posição, um atrás do São Paulo e dois a menos que o Vasco. A partir dali o Corinthians venceu oito dos 13 jogos que disputou e arrancou para o título.

Tite minimiza a importância do clássico, mas reconhece que ele foi marcante na campanha. O técnico aponta outros jogos como igualmente fundamentais. “Dá para escrever um livro desse campeonato. Aquele (contra o São Paulo) foi um jogo marcante, sim, mas tiveram outros jogos marcantes pela alma da equipe. Teve o Flamengo aqui no Pacaembu. Passamos 90 minutos bombardeando. Contra o Cruzeiro lá tivemos erro de arbitragem, mas vencemos (1 a 0). Teve o empate (2 a 2) com o Vasco jogando melhor.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG