Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians usa dérbi de domingo como teste final de "maturidade"

Após tropeçar em momentos decisivos, time vê chance de se redimir de recentes traumas ao eliminar rival

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Primeiro veio o empate com o Goiás na última rodada do Brasileirão. O resultado tirou o Corinthians da fase de grupos da Libertadores. Depois, uma queda precoce na primeira fase do torneio contra o desconhecido Tolima. Para o técnico Tite e para os jogadores do Corinthians, vencer o Palmeiras e chegar à final do Campeonato Paulista seria a prova definitiva de que depois de algum sofrimento, a equipe atingiu “a maturidade”.

AE
Tite vê time mais maduro para enfrentar momento decisivo

“Passamos por momentos difíceis recentemente, mas nos superamos. Podemos dizer que agora estamos preparados para qualquer tipo de jogo. Mesmo que lá (no último jogo contra o Palmeiras) eles eram muito melhores que nós na comparação, nós nos superamos”, disse Alessandro, personagem importante da vitória corintiana no encontro do primeiro turno. Na oportunidade, o Corinthians havia acabado de ser eliminado da Libertadores pelo Tolima e o Palmeiras era líder do Paulistão.

Siga o Twitter do Corinthians no iG Esporte

O técnico Tite exalta o momento do grupo que comanda desde outubro do ano passado. E usa outros momentos em que a equipe teve de se superar para usar como fator de confiança para a partida de domingo. “Quando cheguei, a gente não ganhava há sete jogos e iniciou uma sequência de cinco vitórias e três empates em oito jogos. Ali já houve uma superação”, relembra o treinador.

Tite reconhece que a equipe não teve equilíbrio para suportar alguns momentos de pressão antes da sua chegada, mas que aos poucos, ao longo dos últimos cinco meses, a equipe atingiu o ponto que queria para encarar de frente os grandes desafios, como este contra o Palmeiras.

“Talvez tenha faltado equilíbrio antes, e, com a saída de alguns jogadores, acabamos não encontrando o ponto ideal da equipe. Ponto que eu acredito e torço para que apareça agora, neste momento decisivo”, comentou o treinador.

Leia tudo sobre: corinthianscampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG