Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians tenta superar dependência de Liedson

Time ainda não venceu quando o atacante passou em branco. Meta é mudar tal quadro antes das quartas

Bruno Winckler. iG São Paulo |

O Corinthians tem na reta final da primeira fase do Campeonato Paulista um dilema para resolver antes que a equipe comece a disputar o mata-mata do torneio. Como fazer para ganhar com Liedson em campo se o artilheiro não estiver numa jornada inspirada?

Desde que retornou ao Corinthians, no início de fevereiro, Liedson tem sido fundamental na campanha da equipe no Paulistão. Marcou 10 gols em 11 jogos e é um dos artilheiros do Estadual, ao lado de Elano. Porém, nas únicas quatro partidas em que o atacante atuou e não teve a sorte de ir às redes, o Corinthians não venceu. Foi assim contra Paulista (empate por 0 a 0), derrotas para a Ponte Preta (1 a 0) e o São Paulo (2 a 1) e no empate de domingo contra o Botafogo-SP (0 a 0).

“A gente precisa encontrar uma forma de jogar sem precisar só do Liedson, dividir essa responsabilidade para não sobrecarregar ninguém. Não é porque não ganhamos que temos de encontrar desculpas”, comentou o lateral-esquerdo Fábio Santos, ainda em Ribeirão Preto, após a partida no estádio Santa Cruz.

Liedson não gosta de ouvir sobre tal dependência. E diz que tal fato não existe. “Não tem nada a ver isso. Quando não joguei o time venceu”, comentou o atacante. Na única partida em que ficou fora da equipe, contra o Mirassol, Willian o substituiu e marcou dois gols na vitória por 3 a 2. “Não tem dependência. Mas tem jogos em que não consigo marcar. Isso é normal no futebol”, comentou o camisa 9.

No domingo, contra o Botafogo-SP, Liedson deu apenas três chutes contra o gol do time da casa e todos foram para fora. Foi o primeiro jogo do atacante em que atuou desde o início da partida com Willian como parceiro de ataque.

“O Liedson e o Willian nunca tinha jogado juntos e claro que há diferença. Se tivesse um pouquinho a mais de entrosamento poderia ser diferente. Só treino não dá esse entrosamento. A repetição dos jogos, sim”, disse Tite.

A dupla terá a chance de atuar mais uma vez juntas nos dois próximos jogos que encerram a primeira fase do Estadual. Dentinho, suspenso, está fora dos confrontos contra São Caetano e Santo André. Será a chance de ver se o Corinthians consegue vencer com uma nova dupla de ataque mesmo se seu artilheiro estiver em um dia ruim.
 

Leia tudo sobre: CorinthiansLiedsonCampeonato Paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG