Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians quer somar no mínimo quatro de seis pontos na semana

Líder busca recuperação contra Atlético-MG e Figueirense. Em seis jogos, time fez seis pontos

Bruno Winckler, iG São Paulo |

A matemática para o Corinthians se manter na liderança do Campeonato Brasileiro  ou para ao menos não perdê-la de vista é somar "no mínimo" quatro dos seis pontos que o time vai disputar nesta semana. Quarta-feira, contra o Atlético-MG, em Ipatinga, e sábado, contra o Figueirense, no Pacaembu, a equipe que ainda comanda a tabela com 34 pontos precisa voltar a vencer para não ver o Flamengo, com a mesma pontuação, ou o São Paulo, com dois a menos, ameaçarem a condição que o Corinthians carrega desde a sétima rodada. O empate por 2 a 2 contra o Ceará na última rodada teve gosto amargo.

AE
Julio César voltou a jogar contra o Ceará

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

"Temos de manter o padrão do primeiro tempo e esquecer o segundo. Ficou o gosto de derrota, foi como se a gente tivesse perdido e por isso nos dois jogos dessa semana, contra Atlético-MG e Figueirense, a gente tem de somar no mínimo, no mínimo quatro pontos", disse o goleiro Júlio César. "Podemos até não ficar líderes, mas não podemos deixar de somar pontos. Voltar a vencer é fundamental", completou. O time vem de três empates consecutivos contra Atlético-PR, Santos e Ceará.

Entre para a torcida virtual do Corinthians

O Corinthians divide a ponta com o Flamengo, mas já chegou a ter sete pontos de vantagem para o segundo colocado na 10ª rodada, quando a equipe tinha 28 dos 30 pontos que havia disputado. Porém, uma sequência negativa de seis jogos (uma vitória, três empates e duas derrotas) fez a equipe perder essa folga que havia imposto com um início arrasador. Nos últimos seis jogos, o Corinthians conseguiu somar apenas seis pontos e a única vitória veio suada, contra o América-MG, no Pacaembu. 

Para aprontar contra o Atlético-MG, na quarta, o time precisa voltar a vencer fora, o que não acontece desde 20 de julho, quando a equipe bateu o Botafogo no Rio. "São três jogos (sem ganhar fora, mas a gente não perde há dois jogos fora (Santos e Atlético-PR). Temos que respeitá-los, vivem uma situação difícil, é time grande, mas temos de aproveitar a pressão que estão passando para que a gente possa se reabilitar no campeonato", disse Júlio César.

Enquanto o Corinthians enfrenta Atlético-MG e Figueirense, o Flamengo pega Atlético-GO e Internacional e o São Paulo, terceiro colocado, enfrenta América-MG e Palmeiras.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG