Gol de Fred no primeiro tempo do duelo decretou a vitória do Fluminense no Engenhão

O Corinthians deu mais uma chance para os adversários assumirem a liderança do Campeonato Brasileiro. Com uma fraca atuação, o time paulista foi derrotado por 1 a 0 pelo Fluminense , na tarde deste domingo, no Engenhão. O time carioca segue em evolução e chega ao quarto triunfo consecutivo no torneio, entrando na briga por uma das vagas à Copa Libertadores. Já o Corinthians contou com a derrota de São Paulo e o empate do Vasco para permanecer na liderança da competição.

Siga o iG Fluminense e o iG Corinthians no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

null

Mandando na partida desde o primeiro tempo, o Fluminense criou boas chances com Ciro, mas só marcou com Fred , em cobrança de falta que bateu na barreira e enganou o goleiro Julio Cesar. Na segunda etapa, o Corinthians melhorou na defesa, mas seguiu improdutivo no ataque, com Liedson isolado, e não conseguiu reverter o placar.

Veja a classificação do Brasileiro 2011

Com a vitória, o Fluminense chega aos 37 pontos e sobe para a quinta colocação, ultrapassando o Flamengo, que perdeu para o Atlético-PR. Já o Corinthians para nos 43 pontos, apenas um acima do Vasco, que tem 42. Na próxima rodada, o Fluminense viaja para Salvador, onde enfrenta o Bahia no próximo domingo, às 16h, no estádio Pituaçu. Já o Corinthians volta a campo no mesmo dia e horário, no clássico paulista contra o Santos, no Pacaembu.

O Jogo
Após fazer mistério durante a semana, o técnico Abel Braga confirmou o Fluminense com Diogo no meio-campo ao lado de Edinho, que voltou de suspensão. O técnico Tite também não surpreendeu e escalou Willian na linha de três atacantes, na vaga de Emerson, suspenso. Quem começou
melhor foi o Corinthians. Com mais posse de bola nos primeiros minutos, o visitante tentava criar principalmente com Jorge Henrique e Ramon, sempre pelo lado esquerdo. Após os primeiros seis minutos de partida, o Fluminense voltou a igualar as ações.

O que era a grande arma do time paulista no início do jogo, tornou-se também sua principal fragilidade. Abel Braga colocou Ciro para atuar em cima do lateral-esquerdo Ramon, que subia muito ao ataque e deixava espaços na defesa, num 4-2-3-1 com Lanzini armando pelo meio e Marquinho pelo lado esquerdo. A mudança logo deu certo.

Entre para a torcida virtual do seu time e convide os seus amigos

Aos oito minutos, em rápido contra-ataque, Fred recebeu no meio-campo e deu lindo passe em  profundidade, nas costas do lateral corintiano. Ciro entrou na área, cortou a marcação de Ramon, mas chutou totalmente torto. A bola ainda sobrou para Marquinho, que chutou firme, no alto, para boa defesa de Julio Cesar.

O atacante era o principal jogador do Fluminense, que já dominava a partida. O Corinthians, errando muitos passes e sem conseguir sair em velocidade para o ataque, acabou sendo empurrado para a defesa e escapou mais uma vez de levar o gol aos 12 minutos. Em outra grande chance, Ciro recebeu bom passe em profundidade, fintou o goleiro Julio Cesar e perdeu o ângulo. 'Fominha', o atacante cortou para dentro da área e chutou, mas Chicão salvou o gol em cima da linha.

Se Ciro criava, mas finalizava mal, coube a outro atacante do Fluminense a missão de transformar superioridade em gol. Fred, aos 23 minutos, cobrou falta da meia esquerda. A bola bateu na barreira e
enganou o goleiro Julio Cesar, que já havia caído para o lado direito e só olhou o chute entrar devagar no canto oposto. Até o fim do primeiro tempo, o Fluminense administrou, algumas vezes com faltas, a
vantagem e foi para o vestiário com o 1 a 0 no placar.

Na volta para o intervalo, o técnico Tite tentou reorganizar o lado esquerdo da defesa do Corinthians. O treinador tirou Ramon e colocou o zagueiro Paulo André, deslocando Leandro Castán para a lateral. A
mudança melhorou o setor defensivo do Corinthians, que passou a ter mais posse de bola na segunda etapa.

No ataque, Liedson continuava isolado e o time paulista continuava não conseguindo criar chances de finalização. O Fluminense, por outro lado, se limitava aos contra-ataques. Lanzini, por duas vezes, recebeu bons passes, mas na hora de finalizar, optava por mais um toque.

Abel Braga e Tite resolveram gastar suas mudanças para conseguir a vitória. Abel Braga trocou Lanzini e Martinuccio pelo volante Rodrigo e pelo atacante Martinuccio, respectivamente, além de ter que tirar
Mariano, lesionado, para a entrada de Digão. Já Tite trocou o lateral-direito Welder por Edenilson e Leandro Castán por Danilo, passando Jorge Henrique para a lateral-direita, com Danilo armando
pelo lado esquerdo.

As mudanças não funcionaram. O time paulista tentava mais na base da vontade do que na técnica, enquanto o Fluminense tentava se aproveitar do espaço. Porém, nenhum dos dois mudou o placar e o time carioca deixou o Engenhão aos gritos de 'o campeão voltou'. 

Entre para a torcida virtual do seu time:

FICHA TÉCNICA - FLUMINENSE 1 X 0 CORINTHIANS

Local: Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 11 de setembro de 2011, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Público: 26.979 (presentes)
Renda: R$ 596.560,00
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Marcelo Bertanha Barison (RS)
Cartões amarelos: Mariano, Lanzini, Diogo, Digão (Fluminense); Ramon, Paulo André (Corinthians)

Gol:

FLUMINENSE : Fred, aos 22 minutos do primeiro tempo

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Mariano (Digão), Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Diogo, Marquinho e Lanzini (Rodrigo); Ciro (Martinuccio) e Fred
Técnico: Abel Braga

CORINTHIANS: Julio Cesar; Welder (Edenílson), Chicão, Leandro Castán (Danilo) e Ramon (Leandro Castán); Ralf, Paulinho e Alex; Willian, Liedson e Jorge Henrique
Técnico: Tite

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.