Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians pede para torcida invadir Goiânia e festejar mesmo sem título

Segundo Andrés Sanchez, o título ficou distante, mas time ainda acredita e garante festa, independende do resultado

Gazeta Esportiva |


Com bom relacionamento com as torcidas organizadas do Corinthians, o presidente Andrés Sanchez acredita que o público fará festa mesmo se a equipe não conquistar o título do Campeonato Brasileiro na última rodada. Tanto que até convocou os torcedores para o jogo contra o Goiás, domingo, no Serra Dourada.

"Peço para a torcida do Corinthians invadir Goiânia. Falta um jogo, e devemos fazer a nossa parte. Vamos invadir", repetiu Sanchez, embora seja cético em relação à disputa pelo título. "Ficou difícil. Para os corintianos, sempre é assim. Mas vamos fazer festa, independentemente do resultado. Este pode não ser um ano vitorioso em termos de títulos, mas o Corinthians é maior do que qualquer campeonato", discursou.

Sanchez já assumiu que gastou além do planejado para tornar o Corinthians campeão na temporada do aniversário de 100 anos. A prioridade era a Copa Libertadores da América, da qual a equipe foi eliminada precocemente, nas oitavas de final. No Campeonato Brasileiro, um tropeço do Fluminense contra o rebaixado Guarani é necessário para o título.

Mesmo que o Corinthians fique "apenas" com uma vaga na próxima Libertadores, no entanto, seu presidente não acredita que tenha fracassado. "O torcedor corintiano sabe que o clube vem se reerguendo há três anos e meio. Campeonato não é o mais importante. O que vale mais é ter o respeito do clube, uma boa administração. A gente trabalha para ganhar, mas nem sempre consegue. Outras equipes também querem", argumentou.

Por fim, Andrés Sanchez deu uma mostra de que já pensa em 2011. Ele garantiu que um título virá no próximo ano. "O corintiano sabe que tudo foi feito para a gente ganhar. Temos uma estrutura montada. Com certeza, seremos campeões na temporada seguinte. No Brasileiro, é difícil o Guarani ganhar do Fluminense. Mas quem sabe um empate?", concluiu o mandatário, renovando as suas esperanças.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG