Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians mede ressaca do seu torcedor contra o Mogi Mirim

Depois de público decepcionante há uma semana, clube tenta resgatar confiança do corintiano nesta quinta

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Bruno Winckler
Contra o Ituano, na última semana, o Pacaembu recebeu menos de 7 mil pagantes

O Corinthians que encara o Mogi Mirim nesta quinta-feira no Pacaembu, às 21h50, usará este jogo como um termômetro. Passadas duas semanas e três partidas após a eliminação precoce na Libertadores, será neste jogo, em frente à torcida, que o clube poderá medir se a ressaca do corintiano pela queda no torneio continental já passou ou não.

"Não adianta mais chorar. Estão todos tristes, mas a vida é essa e agora vamos buscar nos aproximas dos líderes e buscar o título do Campeonato Paulista. Esperamos que o torcedor entenda isso e nos apoie", disse o técnico Tite.

No único jogo como mandante após a derrota para o Tolima, no dia 2 de fevereiro, o Corinthians teve um público decepcionante contra o Ituano. Na quarta-feira, dia 9, cerca de 6,5 mil pessoas foram ao estádio municipal assistir ao jogo do Paulistão. Este foi o pior público do Corinthians em 20 meses – o pior público antes deste jogo havia acontecido em junho de 2009, num sábado à noite, contra o Coritiba, no Pacaembu, pelo Brasileirão. Foram 5,7 mil pagantes.

Como a partida contra o Ituano começou às 22 horas e teve transmissão ao vivo em TV aberta para São Paulo, a avaliação do clube é que muitos preferiram não ir ao estádio tanto por conta da tristeza pela recente eliminação como pela comodidade de assistir ao jogo em casa. 

O departamento de arrecadação do Corinthians “comemora” que ao menos este jogo contra o Mogi Mirim não seja transm

itido em TV aberta. “O dinheiro da TV é importante para o clube, mas o dinheiro de bilheteria é também. No último jogo contra o Ituano a gente acabou tendo prejuízo”, comentou um membro do departamento que pediu para não ser identificado.

Acostumado com rendas na casa dos milhões em jogos da Libertadores nos últimos dois anos, o Corinthians teve prejuízo de R$ 13 mil na última quarta-feira. A renda bruta do jogo foi de R$ 170.751,00, mas as despesas somaram R$ 184.433.

Até a noite de quarta-feira, 4,5 mil ingressos haviam sido vendidos para a partida contra o Mogi Mirim. As bilheterias ficarão abertas até o horário do jogo.

O Corinthians tem 13 pontos em sete jogos do Paulistão, um a menos que a maioria dos rivais. O time é o sexto colocado e se vencer nesta quinta-feira pode assumir a terceira posição do campeonato. O jogo contra o Mogi Mirim deveria ter sido disputado na quarta rodada, dia 26 de janeiro, mas nesta data o Corinthians disputou o jogo de ida da primeira fase da Libertadores contra o Tolima.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG