Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians já vislumbra clássico e quer melhora nas finalizações

Após classificação apertada contra o Oeste, time lamentou chances perdidas e comentou sobre o Palmeiras

Levi Guimarães, iG São Paulo |

O Corinthians saiu de campo, neste sábado, do Pacaembu, após a vitória por 2 a 1 sobre o Oeste, com o discurso padronizado de que o time não pode escolher adversário na semifinal do Campeonato Paulista. Mas, nas entrelinhas, é possível perceber que os jogadores do time já esperam encontrar o rival Palmeiras na próxima fase do Estadual.

Siga o iG Corinthians no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

“O Palmeiras é favorito, até por tudo que fez na primeira fase. Mas são profissionais e o Mirassol também tem o mérito de chegar até as quartas de final. Mas independente do adversário vai ser um grande jogo e muito difícil, como foi esse contra o Oeste hoje”, afirmou o atacante Willian, autor do gol que deu a vitória aos anfitriões no Pacaembu.

Para os corintianos, o placar apertado contra a equipe de Itápolis não refletiu a diferença de produção das duas equipes na partida. Por isso, eles mesmos já se cobram por melhoras durante a semana, principalmente nas finalizações. E ao comentar essa necessidade, novamente eles citam o esperado confronto com o Palmeiras.

“Eu perdi que no ano passado entravam. No clássico não pode perder. Hoje felizmente o nosso time venceu, mas claro que se a gente empate ou perde esses gols iam fazer falta. Temos que ter tranquilidade, mas estamos satisfeitos. Saímos vitoriosos e isso é o que importa”, disse o meia Bruno César.

O lateral-esquerdo Fábio Santos foi outro que destacou as chances criadas (e desperdiçadas) pelo Corinthians. “Acho que essa partida foi a que a equipe mais criou. Tivemos muitas chances e podíamos ter matado o jogo um pouco antes, deixar mais tranquilo. Mas isso serve de aprendizado e com certeza no próximo jogo vai ser mais fácil. Agora devemos ter um clássico na semifinal, claro que respeitando o Mirassol, que também quer a vaga”.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG