Espaço na barra do uniforme estava sem patrocinador fixo desde a crise do Banco Panamericano, em 2010

O Corinthians fechou até o final do ano um contrato de patrocínio com a escola de idiomas Fisk, por R$ 7,5 milhões. O acordo foi selado na quarta-feira.

A marca ficará estampada na barra da camisa corintiana. O espaço estava vago desde a crise do Banco Panamericano, que expôs seu logo no local em 2010 por R$ 7 milhões entre fevereiro e dezembro. O Corinthians fatura cerca de R$ 50 milhões anuais com todas as marcas que exibe no seu uniforme.

No clássico de domingo, contra o Palmeiras, a camisa do Corinthians já exibia o patrocínio da Fisk
Gazeta Press
No clássico de domingo, contra o Palmeiras, a camisa do Corinthians já exibia o patrocínio da Fisk

A escola de idiomas já negociava um contrato fixo com o Corinthians, mas antes de encerrar as negociações, chegou a fechar acordos pontuais para alguns jogos do time, como aconteceu no domingo, contra o Palmeiras.

Nesta quinta-feira, às 16h45, representantes da empresa darão uma coletiva de imprensa no CT do Parque Ecológico. Luís Paulo Rosenberg, diretor de marketing corintiano, participará da apresentação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.