Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians fecha com Odebrecht e define estádio por R$ 820 mi

Clube e construtora entraram em acordo para fazer do "Fielzão" palco da abertura da Copa 2014

iG São Paulo |

Divulgação
Imagem interna do futuro estádio corintiano
Em nota oficial, o Corinthians divulgou nesta terça-feira que fechou acordo com a Odebrecht para a construção do estádio do clube em Itaquera "nos moldes exigidos pela FIFA para habilitá-lo como sendo o da abertura da Copa do Mundo de 2014 ", diz a nota. Segundo o clube paulista, a obra está orçada em R$ 820 milhões.

Siga a página no iG Corinthians no Twitter

"O valor total da obra está orçado em R$ 820 milhões e contará com linhas de financiamentos disponíveis para a Copa do Mundo, cuja garantia será assegurada inicialmente pela Odebrecht Participações e Investimentos S.A", prossegue a nota publicada no site oficial do Corinthians, que lançou no início deste mês imagens do projeto do estádio .

A obra será contratada pelo regime de preço fixo, custeada por duas fontes de recursos: o Corinthians arcará diretamente com o que teria sido o custo do seu estádio (R$ 400 milhões), enquanto os Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento (CID), concedidos em função do estádio localizar-se na Zona Leste e nos termos de projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal de São Paulo, fornecerão os recursos exigidos pelo padrão FIFA para estádios que se credenciem como de abertura da Copa (os incentivos chegam a R$ 420 milhões).

Apesar do acordo com a Odebrecht, o Corinthians ainda precisa fechar detalhes do empréstimo dos R$ 400 milhões que o clube fará com o BNDES, que exige a entrada de um novo banco como garantidor do empréstimo.

Veja fotos das obras no terreno do futuro estádio, em Itaquera:

Leia tudo sobre: corinthiansodebrechtcopa 2014

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG