Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians e Santos fazem duelo de invictos no Pacaembu

Clássico envolve os dois últimos campeões e os únicos times que ainda não perderam nesta edição do Paulista

Bruno Winckler e Samir Carvalho, iG Esporte |

Em 2009, o Corinthians foi o campeão paulista invicto. O Santos de 2010 também conseguiu a taça do Estadual, mas sem a invencibilidade corintiana. Neste domingo, às 16h, os dois últimos campeões de São Paulo e imbatíveis até aqui no Paulistão de 2011, medirão forças no Pacaembu. Só estas duas equipes ainda podem sonhar com o título invicto desta edição do torneio.

O Corinthians tem 16 pontos e está dois atrás do Santos, vice-líder, com 18. O Palmeiras lidera com 19. Como os oito primeiros colocados se classificam para próxima fase, a meta dos dois mais antigos grandes rivais do Estado é confirmar presença entre os quatro primeiros para assim chegar às quartas de final com a vantagem do empate.

Atingir esta meta passa necessariamente por uma vitória neste domingo. Nenhuma das duas equipes quer dar folga ao Palmeiras ou ao São Paulo, que também têm o mesmo objetivo nesta primeira fase do torneio.

“Um clássico é sempre um jogo especial. Há sempre muita coisa envolvida e serve como motivação extra para os jogadores. Vamos tentar encontrar um equilíbrio e manter o time no caminho das vitórias”, disse o técnico Tite. O Corinthians tem quatro vitórias e quatro empates no campeonato e já venceu um clássico, contra o Palmeiras, há duas semanas.

Samir Carvalho
Neymar, que estreia em clássicos nesta temporada, ainda não tem o parceiro de ataque definido
O Santos também busca sua segunda vitória em um clássico. Já passou pelo São Paulo e conta contará com Neymar no Pacaembu. O garoto fará sua estreia no Estadual.

O técnico Adilson Batista fez mistério sobre a escalação do Santos contra o Corinthians. No entanto, o treinador garantiu a presença do atacante no clássico. “O Neymar está confirmado para o jogo, vamos aumentar a renda, o público, a audiência da televisão. Ele joga”, afirmou o técnico.

O atleta estava defendendo a seleção brasileira sub 20 no Sul-Americano da categoria, no Peru, e praticamente não teve férias em janeiro. Neymar atuou no último final de semana pela seleção, e depois entrou em campo pelo Santos na terça-feira contra o Deportivo Táchira, na Venezuela, na estreia da equipe santista na Libertadores.

No entanto, o atacante disse que não dispensa jogar um clássico contra o Corinthians. “Tive alguns dias de férias antes de entrar na seleção. Sempre é bom jogar o clássico, não importa se é o Corinthians”, disse o atacante.

 

Por outro lado, Adilson disse que vai conversar com Elano e Jonathan antes de confirmá-los para o jogo. O treinador vem mostrando preocupação com a condição física de Elano, e cogitou poupá-lo em algumas rodadas. Já Jonathan sofreu um estiramento muscular na coxa esquerda e voltou a treinar com bola na última sexta-feira, no CT Rei Pelé.

“Vou conversar com o jogador e também com o pessoal da preparação (física), e saber se ele tem condição de jogar, ou ir para o banco. Tenho a equipe formada e sei da importância do jogo, mas preciso conversar com o pessoal”, disse Adilson.

Outro mistério do treinador é referente ao companheiro de Neymar no ataque. No duelo contra o Táchira, Adilson optou por Diogo, mas não está descartada a hipótese de Zé Eduardo voltar ao time titular. Já Maikon Leite e Keirrison correm por fora na disputa pela posição.

No Corinthians, que só tem o Campeonato Paulista para disputar até maio, Tite não poupará ninguém, mas terá que mudar a formação titular dos últimos três jogos.

O capitão Chicão está fora por conta de uma lesão muscular na coxa direita e desfalca o time por pelo menos 20 dias. Outra baixa será Jucilei, cortado do jogo para resolver detalhes da sua transferência para o Anzhi Makhachkala, da Rússia.

Desta forma, Wallace, que substituiu Chicão no jogo contra o Mogi Mirim, ganhará sua segunda chance como titular da equipe. No meio, Paulinho deverá ser escalado no lugar de Jucilei. Ele volta de suspensão de ser expulso no jogo de domingo contra o Paulista.

As novidades entre os titulares não devem parar por aí. Dentinho, que entrou bem no segundo tempo contra o Mogi Mirim, pode ser escalado no lugar de Danilo, que foi muito mal no jogo de quinta-feira e foi vaiado pela torcida.

Quem também estará à disposição depois de três jogos será Bruno César. O meia, que perdeu espaço para Morais, Ramírez e Danilo se tornando quarta opção para o meio campo, ficará no banco de reservas. Liedson, artilheiro da equipe com quatro gols em três jogos, está confirmado mais uma vez entre os titulares.

FICHA TÉCNICA – CORINTHIANS x SANTOS

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo
Data: 20 de fevereiro de 2011, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Luis Alexandre Nilsen e Marcio Jacob

CORINTHIANS: Júlio César; Alessandro, Wallace, Leandro Castán e Marcelo Oliveira; Ralf, Paulinho, Ramírez e Morais (Danilo); Jorge Henrique (Dentinho) e Liedson.
Técnico: Tite

SANTOS: Rafael; Pará, Durval, Edu Dracena e Léo; Arouca, Possebon, Danilo e Elano (Diogo); Zé Eduardo e Neymar.
Técnico: Adilson Batista

Leia tudo sobre: CorinthiansSantosCampeonato Paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG