Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians é o time que menos fica "na banheira" no Brasileirão

Foram apenas seis impedimentos até aqui. Desempenho ajuda time a ter o terceiro melhor ataque

Bruno Winckler, iG São Paulo |

AE
Liedson ficou quatro vezes em impedimento

O Corinthians tem o terceiro melhor ataque do campeonato com 13 gols (atrás de Internacional e Flamengo), e segundo os atacantes do time, um dos motivos que tem ajudado a equipe a ter sempre uma boa condição de finalizar é não entrar em impedimento.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

O Corinthians é o time que menos foi flagrado em posição irregular neste Brasileiro. Foram apenas seis vezes em seis jogos. O Fluminense, para se ter uma ideia, já foi flagrado em impedimento 26 vezes. Os números são da Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad .

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

Para Liedson , que ficou quatro vezes “na banheira”, a movimentação do ataque contribui decisivamente para os números baixos. Ele vê como natural ser ele o “mais flagrado” por jogar enfiado na área. “Estamos sendo voltando, jogando atrás da linha da bola, e isso tem ajudado muito nosso time a chegar sempre bem no ataque”, disse Liedson.

Entre para a torcida virtual do Corinthians e convide seus amigos para entrarem também

Um fato curioso é que os laterais Fábio Santos e Welder ainda não apareceram fora de condições de jogo. Eles são sempre acionados nos avanços ao ataque e ainda não foram flagrados pelos bandeirinhas. Segundo eles, isso é resultado de treino. “O Tite nos orienta a ficar atentos e a gente tem cumprido bem isso”, disse Welder.

O atacante Willian, que foi pego duas vezes em impedimento, comenta que o treinamento que Tite comanda em campo reduzido, obrigando os dois times a realizarem toques rápidos, tem ajudado o time a chegar mais ligado nos jogos.

“A gente sempre treina em campo reduzido o que deixa a gente mais perto do gol. E o Tite deixa os auxiliares para marcar os impedimentos e eles marcam todos. É assim. Se a gente não fica no treinamento, é mais difícil ficar no jogo”, disse Willian.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG