Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians cumpre missão, vence Cruz Azul e lidera na Libertadores

Com gol de Danilo no primeiro tempo, time fez 1 a 0 e ultrapassou rivais na tabela

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Missão dada é missão cumprida. Com o objetivo claro de somar quatro pontos contra o Cruz Azul nesta Libertadores , o Corinthians conseguiu o queria nesta quarta-feira. Depois de empatar no México, fez 1 a 0 no Pacaembu, chegou a oito pontos no grupo 6 e é o novo líder da chave. O Cruz Azul, que estava invicto na competição, se mantém com sete. Nacional, com três, e Deportivo Táchira, com um, completam a classificação.

Leia também: Vasco vence em casa e também lidera seu grupo na Libertadores

O discurso no Parque São Jorge é um só. Jogos no Pacaembu têm de ser sinônimo de vitória. E depois de bater o Nacional, dia 7, repetiu a dose contra o Cruz Azul. Nas saídas para Venezuela, contra o Táchira, e contra o Cruz Azul, na capital mexicana.

Veja todos os confrontos desta rodada da Libertadores

O Corinthians se prepara agora para retomar a liderança do Campeonato Paulista, domingo, contra o Palmeiras. A partida terá mando do Corinthians e também será no Pacaembu. O próximo compromisso pela Libertadores será no dia 11 de abril, contra o Nacional, provavelmente em Ciudad del Este , no Paraguai. O Cruz Azul também terá os paraguaios como adversários, dia 18, no México.

O jogo
Com atitude parecida a que teve contra o Cruz Azul há uma semana, no México, o Corinthians controlou bem o início do jogo, teve a posse de bola e finalizou muito mais que o rival. Mas como aconteceu na partida no estádio mexicano, a equipe penou para acertar o alvo. Até Danilo abrir o placar, aos 35 minutos do primeiro tempo, foram oito finalizações, seis para fora do gol.

O Cruz Azul pouco ameaçava, mas na única boa chance criada pelos visitantes, Gimenez escorou de cabeça para Perea no meio da área e o atacante antecipando a zaga tocou à esquerda do gol de Julio Cesar. O relógio marcava 30 minutos.

Gazeta Press
Danilo cabeceia e marca o primeiro gol do Corinthians
O gol de Danilo, contudo, evitou que o Cruz Azul pressionasse mais. Alex foi quem mandou a bola na cabeça do camisa 20 após falta na intermediária sofrida por Paulinho. Foi o segundo gol de Danilo na Libertadores. Ele já havia marcado contra o Nacional, também no Pacaembu.

O primeiro tempo terminou com amplo domínio corintiano, que teve a posse de bola em 55% do tempo jogado. Nas finalizações, a equipe continuou falhando, mas foi para o vestiário com 11 tentativas, três delas no alvo. O Cruz Azul chutou três bolas para fora. Julio Cesar não trabalhou.

O Corinthians voltou para o segundo tempo com a mesma postura e foi logo criando as melhores chances. Fábio Santos, após ótimo passe de Alex, perdeu oportunidade clara aos seis minutos. Cara a cara com o goleiro Corona o lateral esquerdo chutou fraco para a defesa do mexicano. Com Danilo e Jorge Henrique, o Corinthians fez Corona trabalhar mais duas vezes. O cenário era todo favorável ao time brasileiro.

Com metade do segundo tempo transcorrida, o time da casa tinha 17 finalizações e mantinha um maior controle na posse de bola. Com o domínio do jogo, Tite fez a primeira mudança aos 25 minutos. Saiu Liedson, que completou 12 jogos oficiais seguidos sem marcar, e entrou Emerson. O substituto foi logo dando as cartas e num contra-ataque foi parado na falta, forçando o segundo amarelo de Pinto.

Com um a mais, o Corinthians ampliou seu domínio. Chegou a 23 finalizações, contra sete do Cruz Azul. Elton ainda entrou aos 40 minutos no lugar de Alex. O meia saiu muito aplaudido. Nos minutos finais, o Corinthians acabou sendo pressionado. Levou uma bola na trave. Aos 43, Villa foi quem chutou a bola que assustou os corintianos. Mas foi só e o Corinthians mereceu a vitória.

FICHA TÉCNICA - CORINTHIANS 1 x 0 CRUZ AZUL (MEX)
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 21 de março de 2012, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Martín Vázquez (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinoza e Marcelo Costa (ambos do Uruguai)
Renda: R$ 1.889.112,00
Público: 29.937 pagantes

Cartões amarelos: Ralf, Danilo, Emerson (COR); Pinto, Mariaca, Pereira (CRU)

Cartão vermelho: Pinto (CRU)

Gol: Danilo aos 35 minutos do 1º tempo.

CORINTHIANS: Julio Cesar; Edenílson, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex (Elton); Jorge Henrique e Liedson (Emerson) Técnico: Tite

CRUZ AZUL: Corona; Pinto, Pereira, Mariaca e Cortés; Flores, Castro (Maranhão), Gutierrez e Giménez; Perea (Vela) e Bravo (Villa) Técnico: Enrique Meza

Leia tudo sobre: corinthianscruz azullibertadores 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG