Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Corinthians consegue efeito suspensivo e enfrenta o Vasco no Pacaembu

Novo julgamento acontece no dia 25, o que garante ao clube paulista o direito de jogar no estádio no dia 28

Bruno Winckler, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860137637&_c_=MiGComponente_C

O Corinthians conseguiu reverter a decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) que o puniu com perda de um mando de campo, a ser cumprida na partida contra o Vasco, dia 28 de novembro, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. O clube entrou com pedido de efeito suspensivo e nesta nesta quinta-feira o Tribunal deu provimento ao recurso.

O novo julgamento acontece no dia 25 de novembro e por isso o Corinthians poderá enfrentar o Vasco normalmente no Pacaembu, já que a mudança de local menos de 72 horas antes da partida fere o Estatuto do Torcedor. Mesmo que a pena da perda de um mando de campo e a multa de R$ 10 mil sejam mantidas, só poderiam ser cumpridas no Brasileiro do ano que vem.

O advogado do clube, João Zanforlin, que entrou com a representação no STJD pedindo o efeito suspensivo, está otimista. Estamos esperando pelo novo julgamento, mas tenho certeza de que o fato de o tribunal ter aceitado nosso efeito suspensivo nos dá esperança de que a decisão seja alterada no próximo julgamento, disse Zanforlin.

A punição ao Corinthians veio na terça-feira, quando o STJD avaliou os incidentes ocorridos na partida contra o Palmeiras, dia 24 de outubro. Na ocasião, torcedores palmeirenses, que ocupavam o tobogã, arremessaram uma grade de ferro em direção a jornalistas e torcedores corintianos que estavam no estacionamento do estádio. A grade atingiu um veículo da RedeTV!.

Por ser mandante do jogo, o Corinthians foi denunciado por deixar de manter local com infraestrutura necessária a assegurar a segurança. Já o Palmeiras, que colocou seus torcedores no tobogã após acordo com o Corinthians, foi punido com perda de dois mandos de campo. O Palmeiras ainda não entrou com pedido de efeito suspensivo e tem até esta sexta-feira para fazê-lo.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthiansvasco

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG