Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fifa confirma São Paulo fora da Copa das Confederações

Entidade descarta qualquer hipótese de recorrer ao Morumbi mesmo que arena de Itaquera não fique pronta a tempo da competição

AE |

selo

Gazeta Press
Terreno onde será erguido estádio de Itaquera, que não ficará pronto para a Copa das Confederações
A cidade de São Paulo será excluída da Copa das Confederações de 2013. A declaração é do secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke. Nesta terça-feira, ele disse que não há chances de usar o Morumbi para a competição e admite que o estádio em Itaquera, na zona leste da capital paulista, não estará pronto para o evento um ano antes da Copa do Mundo no Brasil.

No caso do Rio de Janeiro, a entidade máxima foi obrigada a rever os prazos para a entrega do Maracanã. Mas admite que terá de "cruzar os dedos" e torcer para que a cidade também não acabe fora do torneio.

A Fifa considera a Copa das Confederações como ensaio geral do país para receber a Copa do Mundo e, num cenário ideal, um dos objetivos de sediar o evento seria o de testar o estádio de abertura e o da final do Mundial. No caso do Brasil, porém, isso não será possível. O estádio em Itaquera não deve estar pronto para 2013, mas é rejeitada a ideia de usar o Morumbi como substituto, como foi sugerido. "Não há chances", afirmou Valcke.

O dirigente deixa claro que o cenário com o qual a Fifa já trabalha concretamente é o de não usar São Paulo para o torneio. "Precisamos de quatro sedes para a Copa das Confederações. Não é tão trágico se não ocorrer em São Paulo", declarou ele, que, no entanto, admite não saber ainda quais seriam as quatro sedes.

Segundo Valcke a situação do Rio de Janeiro também é uma dor de cabeça. "Queremos estádios prontos até o final de 2012 para que possam ser usados na Copa das Confederações em meados de 2013. Mas, no caso do Maracanã, nos pediram para flexibilizar as datas e concordamos em esperar até março de 2013 para que o estádio esteja pronto. Então, o que ocorrerá é que cruzaremos os dedos e teremos de torcer para dar tudo certo", declarou.

Posição da CBF
A Confederação Brasileira de Futebol vai anunciar em julho as quatro ou cinco sedes da Copa das Confederações. Embora não confirme nada oficialmente, a entidade conta pelo menos com o Rio de Janeiro e o Distrito Federal para a competição e não quis se manifestar sobre as declarações do secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, de que São Paulo já está fora da competição.

Com relação ao Maracanã, também criticado por Jerome Valcke, a CBF prefere acreditar na posição do governo do Estado do Rio de Janeiro, de que o estádio vai estar totalmente reformado a tempo de receber jogos da competição.

Na última segunda, o Maracanã ganhou um reforço de 75 trabalhadores. Eles são agora 800 ao todo. As obras no estádio estão voltadas no momento para a demolição das arquibancadas. O anel inferior já foi posto a baixo. Numa próxima etapa, serão construídas as fundações de arquibancadas e rampas.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG