Tamanho do texto

Goleiro da seleção brasileira também falou sobre seu futuro no Roma; veja

Alisson foi o primeiro jogador da seleção brasileira a falar em solo russo na manhã desta terça-feira (12) e falou sobre a ansiedade para estrear na Copa do Mundo , diante da Suíça, no próximo domingo (17), em Rostov. Além disso, o goleiro falou sobre o mercado de transferências já que vem despertando o interesse de vários clubes, inclusice do Liverpool e do Real Madrid.

Leiatambém: Quais devem ser os atacantes titulares da seleção brasileira na Copa do Mundo?

Alisson é o primeiro jogador da seleção brasileira a falar em solo russo
Divulgação
Alisson é o primeiro jogador da seleção brasileira a falar em solo russo


"Vocês (jornalistas) estão ansiosos, né? Estou muito focado na Seleção, focado 100% na Copa. O meu procurador está cuidando de tudo, juntamente com a Roma. Ficando ou não na Roma, a minha concrentração hoje está com a Seleção", comentou Alisson , que não se preocupa muito com as especulações. "Eu procuro estar bem focado, procuro não ler muito as notícias. Gosto de trabalhar com aquilo que existe de real".

Leia também: Desejado por Liverpool e Real Madrid, goleiro Alisson é 'blindado' pela Roma

O goleiro ainda completou. "Neste momento não chegou nada de oficial para mim, tenho contrato com a Roma. Estou muuito feliz na Roma, muito feliz no futebol italiano e, principalmente, muito feliz por estar aqui na Rússia", pontuou.

Seleção brasileira

Goleiro está com futuro incerto e vem despertando o interesse de clubes como o Liverpool e Real Madrid
Pedro Martins / MoWA Press
Goleiro está com futuro incerto e vem despertando o interesse de clubes como o Liverpool e Real Madrid


Alisson disse também que sua maior virtude é a vontade de vencer todos e que todos que estão na seleção querem vencer. "Estamos trabalhando muito forte, estamos há quase 20 dias juntos, trabalhando muito forte... Trabalhamos durante toda essa temporada. Todos começaram a temporada pensando na Copa. Chegar neste momento é um sonho pra gente, e nossa vontade de vencer é nossa maior arma", disparou.

Leia também: Internautas do iG escolhem Alisson como goleiro titular da seleção na Copa

"A gente sempre pensa em objetivos individuais... Se for para ajudar o Brasil a sair campeão, sim, eu quero. Mas se não, meu objetivo é levantar a taça. Os outros são objetivos secundários, estamos muito focados nesse primeiro objetivo", finalizou Alisson.