Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Contratação de goleiro no Fluminense dependerá da vontade de Abel

Técnico chegará ao time carioca nao final do mês e ainda não se sabe se novo goleiro será titular ou ficará na reserva

Gazeta |

Dos 11 gols que sofreu pelo Fluminense na Libertadores, Ricardo Berna falhou em cinco. O quinto equívoco abriu o placar da derrota por 3 a 0 para o Libertad, em Assunção, que eliminou o time da competição. Passado o torneio continental, o time carioca foca a única competição que lhe resta na temporada: o Campeonato Brasileiro.

Resta saber se no Nacional Berna continuará como dono da posição. A palavra final caberá a Abel Braga, que só chega ao clube no fim do mês. Um goleiro será contratado, mas a dúvida é se a diretoria vai investir em um nome que chegue para virar titular ou apenas em uma opção para compor o elenco, repondo a saída de Rafael, que está se transferindo para o Atlético-GO.

Se depender da vontade da torcida, Berna volta para o banco de reservas. No duelo de ida com o Libertad - vencido por 3 a 1 pelo Flu, no Engenhão - o goleiro reclamou das vaias dos torcedores, dizendo que se eles não queriam ver o time levar nenhum gol, que construíssem um muro debaixo da trave.

A resposta da torcida veio em tom de ironia nas redes sociais. Em comunidades ligadas ao clube, torcedores começaram a adquirir dinheiro, em tom de brincadeira, para a construção do muro. O arqueiro evitou dar entrevistas após a eliminação tricolor, mas Enderson Moreira admitiu que o jogador falhou no primeiro tento dos paraguaios.

"Um goleiro da condição do Berna sabe que poderia ter feito a defesa no primeiro gol. Mas fez defesas importantíssimas no jogo. Não tenho como lamentar", apontou o treinador interino.

No Paraguai, o camisa 12 se beneficiou de seu posicionamento para realizar pelos menos duas boas defesas no primeiro tempo que retardaram a abertura do marcador. Ricardo Berna, porém, aceitou o chute sem muita força de fora da área de Rojas. Berna se equivocou principalmente ao sair do gol (ou na indecisão por fazê-lo) nos gols do América, do México, na vitória tricolor por 3 a 2 no Engenhão, no primeiro gol do Nacional na derrota por 2 a 0, no Uruguai, e no gol do Libertad no triunfo de ida. Apesar da série de equívocos, Berna ganhou o apoio da comissão técnica.

" O Berna fez um jogo de grande nível. Cometeu uma falha que, com certeza, vai assimilar da melhor maneira possível por sua personalidade, seu caráter e o grande profissional que é", enalteceu Enderson Moreira.

A segunda opção do elenco é Diego Cavalieri, ex-Palmeiras. Contratado com status de titular, o goleiro perdeu a posição no empate por 2 a 2 com o Argentinos Juniors, na estreia na Copa Libertadores, quando falhou nos dois gols argentinos. Cavalieri, porém, poderá ganhar espaço com Abel.

Enquanto não contrata um goleiro, o clube vai investindo em outras posições. A diretoria acertou na manhã desta quinta-feira com o zagueiro Xandão, que vinha se destacando no Barretos Esporte Clube, que participa da Segundona Divisão do Campeonato Paulista. A informação partiu do clube paulista. O jogador, de 22 anos, ainda não será aproveitado nas Laranjeiras e, para adquirir mais experiência, será emprestado ao Grêmio-SP para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

Leia tudo sobre: fluminensegoleirocopa libertadores 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG