Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Contra o Figueirense, Santos enfrenta ressaca e ausência de estrelas

Sem Neymar, Ganso e Elano, santistas terão o primeiro desafio após o título da Libertadores

Samir Carvalho, iG Santos |

O duelo contra o Figueirense nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, será o primeiro jogo após o Santos conquistar a Copa Libertadores da América, diante do Peñarol. Além da “ressaca” do título, já que o elenco folgou quatro dias na semana passada, a equipe santista terá que superar a ausência das suas estrelas: Neymar, Ganso e Elano, que estão servindo à seleção brasileira na Copa América da Argentina.

Será a primeira vez que o técnico Muricy Ramalho não escalará um time totalmente formado por reservas, já que o sistema defensivo e o trio de volantes terão as presenças dos atletas que atuaram na campanha vitoriosa da Libertadores.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e convide seus amigos

Muricy está preocupado com a ausência dos selecionáveis, e espera que os jogos contra Figueirense e América-MG nesta semana, seja os últimos sem os atletas convocados para a seleção brasileira. Isso porque, o Santos já conseguiu o adiamento do duelo contra o Fluminense, que passou do dia 7 de julho para o dia 24 de agosto, e já pediu para a CBF adiar mais três jogos (Palmeiras, Atlético-MG e Grêmio) durante o período que os atletas estiverem defendendo a seleção.

“A diretoria está trabalhando sério e quem organiza o campeonato está tendo muito boa vontade com a gente. Temos vários jogadores na seleção, e isso significa bom senso. Até o número de jogadores que vão ficar no banco de reservas está afetado”, afirmou Muricy.

Para o duelo contra o Figueirense, além dos atletas que estão na seleção brasileira, o Santos não contará com o lateral-esquerdo Léo. O camisa 3 sofreu uma pancada no tornozelo durante a briga com os jogadores do Peñarol no gramado do Pacaembu, após o término da partida na última quarta-feira. Muricy escalou Alex Sandro no setor

Siga o Twitter do iG Santos e receba as notícias do seu time em tempo real

Já para as vagas de Neymar, Ganso e Elano, o treinador colocou Pará, Roger Gaúcho e Rychely. Desta forma, Danilo volta a atuar no meio-campo, que terá Roger como o armador das jogadas na vaga de Ganso. Sem Neymar na seleção e Zé Eduardo, que foi atuar no Genoa, da Itália, Muricy escalou a dupla de ataque com Rychely e Borges.

No Figueirense, o técnico Jorginho vetou o atacante Reinaldo, ex-Santos e São Paulo. O jogador está recuperado de uma lesão no músculo adutor da coxa direita, foi liberado para atuar já contra o Internacional na última rodada, mas o treinador decidiu não relacioná-lo novamente. Desta forma, Aloísio e Héber formarão a dupla de ataque. A novidade será o retorno do volante Túlio ao time titular.

FICHA TÉCNICA – FIGUEIRENSE X SANTOS

Estádio: Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Data/hora: 29/6/2011 - 21h50
Árbitro: Márcio Chagas da Silva (RS)
Auxiliares: Julio César Rodrigues Santos (RS) e Marcelo Bertanha Barison (RS)

FIGUEIRENSE: Wilson, Bruno, João Paulo, Edson Silva e Juninho; Ygor, Maicon, Túlio e Fernandes; Aloísio e Héber. Técnico: Jorginho.

SANTOS: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Adriano, Arouca, Danilo e Roger; Rychely e Borges. Técnico: Muricy Ramalho.
 

Leia tudo sobre: santosléofigueirensebrasileirão 2011neymarganso

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG