Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Contra Miranda e Alex Silva, Corinthians capricha no treinamento das bolas paradas

Preocupação corintiana para o clássico deste domingo é com as jogadas aéreas dos zagueiros do São Paulo

Gazeta Esportiva |

O Corinthians enfrenta o São Paulo neste domingo, às 17h (de Brasília), no Morumbi, e está precavido contra uma das principais armas da equipe tricolor: a bola levantada na área para os zagueiros Miranda e Alex Silva.

Após uma movimentação tática, o técnico Tite comandou nesta sexta-feira um treinamento específico de posicionamento para sua defesa em bolas paradas, temendo que os são-paulinos encontrem liberdade pelo alto.

"No treinamento, repetindo se aperfeiçoa. Nós temos uma forma de marcação e não adianta ficar só na palestra antes do jogo, eu mostrar como tem que ser, tem que levar para campo", explicou o comandante corintiano.

O temor do Corinthians tem justificativa. Com 13 gols, o São Paulo, ao lado de Botafogo e Grêmio, é o time que mais marcou de cabeça no Campeonato Brasileiro. Já a defesa corintiana, foi vazada pelo alto em sete oportunidades. 

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthianssão paulo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG