VIP S na plateia - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Contra Argentina, Brasil voltará a jogar para estádio cheio e com VIP S na plateia

Ingressos para o amistoso estão esgotados na maioria dos postos de venda. Partida faz parte de Congresso Esportivo com dirigentes europeus e ex-jogadores

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860293031&_c_=MiGComponente_C

Após atuar as últimas duas vezes para estádios quase vazios, o Brasil voltará a ter grande público em um amistoso. A partida desta quarta-feira contra a Argentina deverá ter lotação máxima no Khalifa International Stadium . Ao menos é o que indica a venda de ingressos em Doha, local da partida. As bilheterias no centro da cidade já não têm mais entradas.

Já não temos ingressos há seis dias. Talvez, você possa conseguir na internet, avisava a atendente de um dos postos de venda. O estádio da partida tem capacidade para 50 mil pessoas. Segundo a imprensa local, algumas entradas serão reservadas para a venda no local do jogo.

Paulo Passos
Torcedores encontraram bilheterias sem ingresso no centro de Doha


Desde que Mano Menezes assumiu a seleção, a única vez que o Brasil atuou com grande público foi na partida de estreia do técnico contra os Estados Unidos. Em Nova Jersey, mais de 70 mil pessoas viram a vitória da seleção diante dos Estados Unidos.

Nos dois jogos seguintes, entretanto, o bom público não se repetiu. Em outubro, contra o Irã, em Abu Dhabi, pouco mais de 10 mil pessoas foram ao estádio Zayed Sports City. Quatro dias depois, em Derby, na Inglaterra, houve novo fracasso na venda de ingressos. Cerca de 13 mil pessoas assistiram a vitória de 2 a 0 sobre a Ucrânia, no estádio Pride Park, que tem 33 mil lugares.

VIPS na plateia
O provável grande público não é a única novidade no amistoso do Brasil contra a Argentina. O clássico sul-americano terá também presença de dirigentes europeus, técnicos e ex-jogadores na plateia.

O jogo faz parte do Aspire for Sport, um congresso esportivo, patrocinado pelo governo do Catar. O evento terá entre seus palestrantes, o presidente do Barcelona, Sandro Rossel, o Diretor Geral da Internazionale de Milão, Ernesto Paolillo, o treinador sérvio Bora Milutinoviić, o técnico do Manchester United, Alex Ferguson, além do proprietário da Willians, Frank Willians, e o piloto Rubens Barrichello.

É claro que vou no jogo, afirmou ao iG, Rossel. Perguntado sobre que time terá a sua torcida, o presidente do Barcelona, que é amigo de Ricardo Teixeira e foi dirigente da Nike no Brasil, desconversou. Sou Barça, sempre Barça, respondeu.

Ex-jogadores como Carlos Alberto e argentino Ardilles também darão palestras no congresso. Todos os conferencistas receberão entradas para o amistoso.

Leia tudo sobre: amistosoargentinaseleção brasileira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG