Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Considerado sucessor de Ganso, Jean Chera anuncia saída do Santos

Preste a completar 16 anos, meia anunciou no twitter que não é mais jogador do Santos

Samir Carvalho, iG Santos |

O meia Jean Chera, que era considerado o sucessor de Paulo Henrique Ganso no Santos, abandonou o clube prestes a completar 16 anos. O atleta anunciou no twitter que seu pai e representante, Celso Chera, não chegou a um acordo com a diretoria, e a promessa santista deve jogar no futebol europeu.

“Bom dia. Chegando na Vila para tirar minhas coisas do meu armário. Meu pai que é meu representante não chegou a um acordo sobre meu contrato profissional com a diretoria do Santos. Peço Desculpas à nação Santista a qual aprendi a Amar, pela minha saída. Infelizmente a diretoria da Base não valoriza o atleta que tem”, afirmou Jean Chera no Twitter.

O atleta, que completará 16 anos no dia 12 de maio, estava próximo de assinar seu primeiro contrato profissional com o Santos. Chera já treinava com a equipe sub 17 do Santos e tinha o maior salário das categorias de base do clube: cerca de R$ 25 mil mensais.

A intenção do pai do atleta era dobrar o salário de seu filho na renovação, e pretendia ficar com 50% dos direitos econômicos de Chera no novo acordo, fato que não agradou os dirigentes do Santos, que pretendiam ficar com a maior parte. O iG apurou que o jogador pode atuar no futuro europeu.

A diretoria do Santos ainda não confirma oficialmente a saída do jogador. “É uma surpresa. Eles (representantes do jogador) passaram algumas situações, mas para nós as negociações continuavam em andamento”, afirmou o diretor de futebol do Santos, Pedro Luís Nunes Conceição.

 

Leia tudo sobre: santosjean cheraganso

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG