Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Conmebol descarta Espanha e diz que Costa Rica deverá disputar a Copa América

"Nunca pensamos em Espanha, Estados Unidos ou Austrália", disse Deluca. Japão desistiu de jogar torneio

EFE |

A Conmebol descartou nesta segunda-feira a inclusão da atual campeã Espanha na próxima Copa América, que será disputada em julho, na Argentina, e disse que a principal candidata a substituir o Japão é a Costa Rica.

"A opção mais firme é Costa Rica. Nunca pensamos em Espanha, Estados Unidos ou Austrália", assegurou à agência estatal argentina "Telam" o secretário-geral da Conmebol, o argentino Eduardo Deluca.

O dirigente revelou que nesta terça-feira haverá uma reunião entre dirigentes da entidade, da Associação do Futebol Argentino (AFA) e da empresa Traffic, que detém os direitos televisivos do torneio, para definir o substituto.

EFE
O argentino Gaitán persegue o costarriquenho Marshall em amistoso no último dia 29. Seleções podem se reencontrar na Copa América

O Japão oficializou nesta segunda a desistência de participar da competição e, através do presidente da Federação Japonesa de Futebol, Junji Ogura, alegou "questões humanitárias", após o terremoto que atingiu o país em 11 de março e que deixou 12 mil mortos e mais de 15 mil desaparecidos.

O próprio Ogura irá de Assunção para Buenos Aires nesta terça para se reunir com o presidente da AFA, Julio Grondona, a quem informará pessoalmente sobre os motivos de sua decisão. Também nesta terça, a Federação Costarriquenha de Futebol manifestou seu interesse em substituir o Japão no grupo A do torneio, junto com a Argentina, Colômbia e Bolívia.

Leia tudo sobre: FUTEBOL mundialCOPA AMÉRICAjapãocosta ricaespanha

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG