Tamanho do texto

Teve polêmica com Kleber, show de Neymar e Ronaldinho, jogo mil de Rogério Ceni e homenagens a Zagallo e Pet. Veja a lista do iG

01/03/2011 - Jorginho volta aos holofotes no Figueirense
Jorginho conseguiu a redenção para a sua carreira no futebol comandando o Figueirense após o fracasso ao lado de Dunga na seleção brasileira. Mesmo sem conseguir a vaga para a Libertadores, o treinador se destacou quebrando recordes no time de Santa Catarina, com uma sequência de 14 partidas invictas. No total, ele comandou o clube por 47 partidas, com 21 vitórias, 14 empates e 12 derrotas.

05/06/2011 - O adeus de Petkovic do futebol
O meia Petkovic se despediu do futebol profissional na partida em que Flamengo e Corinthians empataram por 1 a 1, no estádio do Engenhão. Willian marcou para o alvinegro, com Renato Abreu empatando para o rubro-negro. O sérvio jogou os primeiros 45 minutos da partida e, no intervalo, recebeu muitas homenagens. Ele teve seu nome gritado pela torcida, foi presenteado com uma placa da presidente Patrícia Amorim e deu uma volta olímpica. Dentro de campo, ele pouco participou da partida.

18/07/2011 - Idolatria por Falcão não resiste à má fase
Falcão era a grande aposta do Internacional para superar o momento de crise. Ídolo do passado, o ex-meia deixou a TV Globo para comandar o time do Beira-Rio. Acabou não tendo sucesso, começou a discutir com conselheiros e diretores de sua equipe e deixou o cargo após uma derrota para o São Paulo por 3 a 0 .

null

21/07/2011 - Kleber, fair play e a novela no Palmeiras
Kleber, do Palmeiras, recebeu uma proposta do Flamengo com um salário maior. O atacante ficou um bom tempo lesionado, sem poder atuar, e a um jogo de completar a sétima partida, que o impediria de deixar o Palestra Itália ainda este ano, o que deu margens a uma especulação de que ele forçava a sua saída. Quis o destino que o sétimo jogo fosse justamente contra a equipe da Gávea. Ele ainda se envolveu em uma polêmica de não devolver a bola para o Flamengo, desrespeitando as normas do fair play .

Semanas depois, Kleber brigou no vestiário com Felipão ao tentar defender João Vítor, que se envolveu em uma confusão com a torcida organizada. O atacante foi afastado, chegou a criticar publicamente o treinador e dizer que 80% do grupo não gostava do pentacampeão. Seu destino foi o Grêmio.

27/07/2011 - Um jogo épico na Vila Belmiro
Seguramente a vitória do Flamengo por 5 a 4 sobre o Santos foi um dos melhores jogos da história do Campeonato Brasileiro . O duelo marcou o encontro de Neymar com Ronaldinho Gaúcho, e os dois brilharam. O Santos abriu 3 a 0 com dois gols de Borges e um de Neymar - o do camisa 11, inclusive, foi uma pintura. O tento ganhou placa na Vila Belmiro e está concorrendo como gol mais bonito do ano em eleição da Fifa .

Depois, o Fla empatou com gols de Ronaldinho, Thiago Neves e Deivid. O alvinegro voltou a ficar na frente com Neymar, mas Ronaldinho anotou outras duas vezes - um desses gols numa cobrança de falta magistral, por baixo da barreira - e decretou o histórico placar.

null

07/08/2011 - Em dia de festa de Zagallo, Botafogo ilude torcedor
Após uma derrota surpreendente para o Figueirense, o Botafogo venceu o Vasco por 4 a 0 em um dia de festa. O resultado deu a esperança ao torcedor de que o título era possível. Com 40 mil pessoas no Engenhão, o dia ainda foi de festa para Zagallo, que completava 80 anos. O “Velho Lobo” deu o pontapé e ainda ficou sabendo que ganharia uma estátua no clube.

28/08/2011 - Ricardo Gomes tem AVC durante clássico contra o Flamengo
Em meio a um clássico entre Vasco e Flamengo na última rodada do 1º turno, o treinador Ricardo Gomes sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral). Gomes deixou o estádio de ambulância , passou várias semanas internado e deu lugar ao interino Cristóvão Borges, que deu conta do recado.

07/09/2011 - Rogério Ceni milenar
Atingir a marca de mil jogos por um só clube é um feito que poucos jogadores alcançaram ou ainda podem alcançar. E Rogério Ceni entrou nesse seleto grupo. O goleiro são-paulino fez sua milésima partida com a camisa tricolor num Morumbi lotado , com mais de 60 mil pessoas. A festa foi completa, com vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, gols de Lucas e Dagoberto. O zagueiro Réver até tentou estragar o dia do arqueiro e capitão do time paulista, mas seu gol de cabeça não foi o suficiente. 

16/10/2011 - Montillo e seu drama pessoal
O Cruzeiro não viveu uma boa temporada e tinha em Montillo a expectativa de uma reação criativa. O argentino, no entanto, viveu um drama familiar, com seu filho Santino, que tem menos de 2 anos. Com Síndrome de Down, a criança teve algumas complicações de saúde, fato que afetou diretamente o pai. O argentino chegou a desperdiçar pênalti decisivo diante do Corinthians .

22/10/2011 - Portuguesa de volta à Série A com campanha brilhante
Três anos depois de ser rebaixada para a segunda divisão, a Portuguesa voltou à elite do futebol brasileiro. Após a vitória de virada sobre o Americana fora de casa, por 3 a 2 , a equipe da capital confirmou o acesso na 32ª rodada da Série B. Ou seja, com seis jogos de antecedência. A Lusa ainda se sagraria campeã do torneio e leva junto com ela para a Série A o Náutico, Sport e Ponte Preta.

Com camisa personalizada, os jogadores da Portuguesa posam com a taça de campeão da Série B 2011
AE
Com camisa personalizada, os jogadores da Portuguesa posam com a taça de campeão da Série B 2011

30/10/2011 - Ronaldinho não se sente em casa no Olímpico
Ronaldinho Gaúcho, quando deixou o Grêmio para jogar na Europa, saiu xingado de mercenário, especialmente por deixar a equipe do Olímpico sem gerar lucro. O perdão parecia perto quando o meia negociava a sua volta ao Brasil. O Grêmio chegou até a organizar festa para a sua recepção. Deu tudo errado, e Ronaldinho parou no Flamengo. Quando voltou ao estádio para enfrentar sua ex-equipe em Porto Alegre foi recebido com chuvas de moeda e muitos protestos .

16/11/2011 - Fred acaba com o Grêmio
Em jogo com nove gols e três viradas, Fred mostrou porque é considerado um dos melhores brasileiros na posição. O Fluminense venceu o Grêmio por 5 a 4, com quatro gols do artilheiro , igualando uma marca poucas vezes alcançadas. Coincidentemente, Neymar havia alcançado o mesmo feito no Brasileirão na goleada diante do Atlético-GO.

null

20/11/2011 - Adriano dá pinta de campeão ao Corinthians
Na reta final do Brasileirão, o Corinthians não poderia perder pontos, especialmente dentro de casa. O Atlético-MG, lutando para sair da zona do perigo e por uma vaga na Sul-Americana, saiu na frente em pleno Pacaembu. O time de Tite conseguiu empatar e a virada veio dos pés de Adriano. Meio sem jeito, o “Imperador” recebeu passe de Émerson Sheik e fez o gol que explodiu o estádio e garantiu três pontos que pareciam perdidos .

04/12/2011 - Atlético-MG salva Cruzeiro do rebaixamento
O Atlético-MG tinha a grande chance de rebaixar o arquirrival para a Série B do Brasileirão. Em uma boa sequência de vitórias, o time comandado por Cuca acabou entrando em campo como favorito, mas tomou uma goleada histórica por 6 a 1 e ajudou os principais adversários a continuarem na elite. Praticamente possuído, o presidente atleticano, Alexandre Kalil, deu entrevistas criticando muito seus atletas e cancelou o bicho pela equipe conseguir se livrar da queda.

04/12/2011 - O adeus dos corintianos ao "Doutor"
No dia em que conquistou o pentacampeonato brasileiro com o empate sem gols diante do Palmeiras, o Corinthians também teve muito o que lamentar. O ex-jogador Sócrates, ídolo do clube entre as décadas de 70 e 80, morreu em consequência de um choque séptico, infecção generalizada causada por bactéria. A torcida que lotou o estádio do Pacaembu não cansou de prestar homenagens ao "Doutor", mas a imagem mais marcante foi a dos jogadores do Corinthians cerrando o punho no meio de campo , no minuto de silêncio antes do duelo.

null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.