Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Conca está apenas a 28 jogos de ultrapassar a marca de Romerito

Com 188 jogos disputados, meia pode tornar-se o estrangeiro que mais atuou pelo clube ainda este ano

Marello Pires, iG Rio de Janeiro |

O ano de 2010 foi para lá de especial para Darío Conca. Além do tricampeonato nacional, o meia ganhou vários prêmios individuais como melhor do país, entre o eles o de craque do Brasileirão. Mas a temporada de 2011 pode ser ainda mais significativa para o argentino. Com 188 partidas disputadas pelo Fluminense, Conca está apenas a 28 jogos de ultrapassar a marca de Romerito, que defendeu o clube 215 vezes de 1984 a 1989, e tornar-se o estrangeiro que mais vezes vestiu a camisa tricolor.

Tudo isso, somado a renovação de seu contrato até o final de 2015, o transformaram em um dos maiores ídolos recentes do Fluminense. Tímido, pelo menos na frente dos microfones, já que entre os companheiros ele é considerado um dos mais brincalhões do elenco, o jogador voltou a dar entrevista nesta quinta-feira e se esquivou ao ser perguntado por um jornalista se já se considerava um ídolo do Fluminense.

“Quando se conquista um título importante sabemos que entramos para a história de um clube. Mas essa pergunta tem que ser feita para os torcedores. Eu prefiro que eles respondam se sou ídolo ou não (risos). Minha preocupação não é essa. Eu só quero entrar em campo e ajudar o Fluminense a conquistar títulos”, disse.

A timidez em frente às câmeras e microfones é tanta, que o jogador não falava com a imprensa desde dezembro. Seu último contato com os jornalistas ocorreu dois dias após o título brasileiro, em entrevista coletiva concedida no seu condomínio, na Barra da Tijuca.

“É muito mais difícil para mim encarar um microfone do que um zagueiro”, brincou o argentino, arrancando gargalhadas dos jornalistas.

De contrato renovado até 2015, certamente Conca vai ultrapassar facilmente os números de Dom Romero, autor do gol do bicampeonato brasileiro em 1984. A questão é quando a marca será batida. Se repetir o desempenho do ano passado, quando se tornou o único jogador de linha a disputar todas as 38 partidas do Campeonato Brasileiro, Conca fará a história mudar nas Laranjeiras ainda este ano.
 

Leia tudo sobre: Campeonato Carioca 2011FluminenseConca

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG