Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com três viradas, Atlético-MG quer começar na frente do Guarani

Jogadores conversam para evitarem que o adversário marque o primeiro gol, como foi nos jogos anteriores

Victor Martins, iG Belo Horizonte* |

As três vitórias do Atlético-MG no Campeonato Mineiro foram conquistadas da mesma forma, com viradas. Funorte, Tupi e Cruzeiro saíram na frente, mas a equipe do técnico Dorival Júnior teve capacidade para virar o jogo. No entanto, depois de três viradas consecutivas, o Atlético-MG não quer passar pelo mesmo em Divininópolis.

Apesar das viradas mostrarem poder de reação da equipe do Atlético-MG, o meia Ricardinho alerta que vai chegar uma hora que o time não vai ter força para mudar o resultado. Para isso não ocorrer, o grupo já conversou sobre as partidas passadas.

“Eu prefiro sempre começar ganhando, apesar das três vitórias. Mas ao mesmo tempo mostra a recuperação e equilíbrio da equipe. Há necessidade de sair na frente e não ter de buscar o resultado. Até porque vai chegar uma hora que a virada não vai acontecer, e você acaba perdendo um jogo. Vamos procurar mudar isso, é um ponto que a gente já conversou”.


O volante Zé Luis também não quer saber de sustos logo no começo da partida e quer vitórias mais tranquilas. No entanto, o jogador do Atlético-MG atribui ao modo de jogo do time jogar o principal fator para sair atrás no placar. Zé Luis diz que o Atlético-MG joga muito aberto, dando espaço aos adversários. Para ele, é o que precisa ser arrumado no momento.

“Se você conseguir ter uma vitória mais tranquila, é bem melhor. Temos de tomar cuidado, já fomos alertados para isso. Tem alguns jogos que não vai dar tempo de reverter, então temos de tomar cuidado. Acho que é pela forma que a equipe joga, que é aberta, bastante para frente. Faz bastante gols, mas fica exposta para tomar muitos gols também. Temos de procurar acertar isso, damos muito campo para a adversário, e quando jogarmos contra equipes de maior qualidade, a gente pode ter dificuldade”.

Mas como o Atlético-MG conseguiu vencer os três jogos que disputou no Campeonato Mineiro até o momento, o meia Ricardinho diz que a tranquilidade conseguida com os bons resultados podem dar o tempo necessário para o time continuar bem o trabalho.

“Independentemente de como esteja jogando, o importante são sempre os resultados, o torcedor quer a vitória. Isso trás uma série de benefícios à equipe, mas existe a necessidade de dar continuidade”.

Leia tudo sobre: Atlético-MGCampeonato Mineiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG