Adversário do time brasileiro terá força máxima na partida pelas semifinais da Libertadores no Pacaembu

O Cerro Porteño viajou nesta segunda-feira para São Paulo, onde na quarta enfrentará o Santos, na primeira partida pelas semifinais da Copa Libertadores. O técnico da equipe paraguaia, o argentino Leonardo Astrada, não deu dicas sobre seu time titular, mas a expectativa é de que não haja grandes mudanças em relação à formação que eliminou o Jaguares na última quinta-feira com uma vitória por 1 a 0 em Assunção, após empate por 1 a 1 no México.

O fato de o elenco ter viajado sem qualquer desfalque reforça essa possibilidade. No último domingo, quando o Cerro empatou por 1 a 1 com o Sol de América, pela 20ª rodada do Torneio Apertura paraguaio, Astrada optou por poupar os principais atletas do grupo. O time de Assunção apostas todas as fichas na competição continental, já que ocupa apenas o sétimo lugar no torneio nacional.

O Cerro deve começar a partida no estádio do Pacaembu com a seguinte formação: Diego Barreto; Ivan Piris, Mariano Uglessich, Pedro Benítez e César Benítez; Luis Cáceres, Rodrigo Burgos, Javier Villarreal e Ivan Torres; Jonathan Fabbro e Roberto Nanni.

Será o terceiro confronto entre as duas equipes na atual edição da Libertadores. Ambas disputaram o grupo 5, e o Santos permitiu um empate em 1 a 1 na Vila Belmiro, mas conquistou uma vitória por 2 a 1 no estádio Pablo Rojas, em Assunção.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.