Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com show de atacante, Goiás goleia o ASA

Guto marca três vezes e garante boa vitória do time goiano sobre alagoanos, pela terceira rodada da Série B

Gazeta |

AE
O atacante Guto comemora um de seus gols com os colegas do Goiás
O Goiás fez valer o "fator casa" na noite desta terça-feira, na abertura da terceira rodada da Série B. Diante de um bom público no Serra Dourada, o clube alviverde derrotou o ASA por 4 a 1 e chegou a 6 pontos, ocupando provisoriamente a segunda colocação. Os alagoanos têm três.

Guto  marcou três vezes e assumiu a artilharia isolada do torneio - o estreante Diniz também marcou para o Goiás. Para o ASA, quem fez foi Alexsandro.

Para incentivar seus torcedores, os goianos cobraram R$ 2,00 pelos ingressos de todos os setores. Quem comparecesse com a camisa do clube ainda teria direito a pagar metade do preço. Uma boa estratégia, uma vez que contar com a presença dos fãs, pelo menos por enquanto, tem dado certo na Segundona: em 22 jogos, apenas três visitantes conseguiram vencer.

Vale lembrar que o Serra Dourada, que está em obras, recebe no próximo sábado o amistoso entre Brasil e Holanda.

Os fanáticos que abraçaram a causa e foram ao estádio mostraram-se satisfeitos com o primeiro tempo da equipe, que inaugurou o placar aos sete minutos com Guto, que mergulhou próximo ao primeiro poste para completar cruzamento de Oziel, vindo da direita.

Melhor durante quase toda a etapa inicial, o Goiás voltou do intervalo dando mais campo ao rival, mas ampliou logo aos seis minutos. Estreando como titular, Diniz recebeu na entrada da área e bateu cruzado.

No entanto, um gol de Alexsandro aos 15 minutos, além de diminuir o placar e empolgar os nordestinos, tirou a paciência de parte do público, que chegou a xingar o técnico Artur Neto de "burro" quando Diniz saiu para a entrada de Robert.

Percebendo a chance de empatar, o ASA fez-se mais presente no campo de ataque e passou a dominar a posse de bola, o que não acontecia desde o início do jogo. Mas faltou eficiência aos alvinegros, que pouco conseguiram criar lances perigosos.

Melhor para Guto, que recebeu bom passe de Felipe Amorim em contra-ataque muito bem armado e só teve o trabalho de tocar na saída do goleiro Tuti para marcar o terceiro, aos 38 minutos. O Asa ainda esboçou uma reação, mas a bomba disparada por Artur explodiu na trave de Pedro Henrique e sepultou as pretenções alagoanas.

Ainda deu tempo para mais um gol de Guto: aos 47, ele recebeu cruzamento de Digão, vindo da esquerda e, sem marcação, testou para o fundo das redes, dando números finais ao jogo.

FICHA TÉCNICA - GOIÁS 4 x 1 ASA-AL

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data:
31 de maio de 2011, terça-feira
Horário:
21 horas (de Brasília)
Árbitro:
Emerson Luiz Sobral (PE)
Auxiliares:
João Antonio Sousa Paulo Neto e Cesar Augusto de Oliveira (ambos do DF)
Cartões Amarelos:
Oziel (Goiás); Leandro Cardoso e Galiardo (ASA)

Gols:
GOIÁS: Guto, aos sete minutos do primeiro tempo, aos 38 e aos 47 do segundo tempo; Diniz, aos seis do segundo tempo.
ASA: Alexsandro, aos 15 minutos do segundo tempo.

GOIÁS: Pedro Henrique; Ernando, Marcão e Rafael Toloi; Oziel (Valdir Lima), Amaral, Marcelo Costa (Leandro), Digão e Diniz (Robert); Felipe Amorim e Guto.
Técnico:
Artur Neto

ASA: Tuti; Leandro Cardoso, Toninho e Tiago Alves; Sérgio Bueno (Chiquinho), Marcelo Costa, Galiardo (Vitinha), Didira, Raul e Maurim; Alexsandro (Kaká)
Técnico:
Vica

Leia tudo sobre: GoiásASA-ALSérie B 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG