Após o empate por 1 a 1 contra o Avaí, neste domingo, Jorginho anunciou que vai buscar novos desafios na carreira

O Figueirense está sem técnico para a próxima temporada. Após o empate por 1 a 1 contra o Avaí , neste domingo, Jorginho anunciou que vai buscar novos desafios na carreira. Apesar de não ter conseguido a vaga na Libertadores, ele sai de Florianópolis com o sentimento de dever cumprido.

VEJA MAIS: Fora da Libertadores, elenco exalta campanha do Figueirense

"Eu estou feliz porque elevamos o nome do Figueirense. Cumprimos dois objetivos, porque mantivemos o clube na Série A e conseguimos classificar a equipe para uma competição internacional (Copa Sul-americana). Tive a oportunidade de sair para um clube do futebol brasileiro, mas não quis. Cumpri minha palavra e agora estou saindo por decisão minha e de meus familiares", declarou.

Veja como ficou a classificação do Brasileirão ao final da temporada

O treinador do sétimo colocado do Campeonato Brasileiro garantiu que não está sendo motivado por questões financeiras. "Eu tive uma conversa franca e aberta com a diretoria e não comentamos sobre valores porque tenho certeza que eles iriam se esforçar. Decidi buscar novos horizontes e desafios na minha carreira. Eu saio do clube pela porta da frente e um dia vou voltar", prometeu.

Especulado no Flamengo, no lugar de Vanderlei Luxemburgo, o ex-atleta do rubro-negro garante que não tem nada acertado com nenhum clube. "Não deixei nada apalavrado. Dois clubes japoneses chegaram a conversar comigo, mas, fora isso, é tudo especulação. Estou desempregado", avisou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.