Empate sem gols no clássico faz defesa sair incólume pela primeira vez desde agosto

O Corinthians não venceu o São Paulo no Morumbi na noite desta quarta-feira, mas tem uma marca a comemorar após o empate por 0 a 0. Pela primeira vez, desde o clássico com o Santos válido pelo primeiro turno, dia 10 de agosto, o Corinthians passou um jogo sem tomar ao menos um gol. E o feito foi obtido num jogo em que pela primeira vez a dupla de zaga foi formada por Wallace e Paulo André depois que Chicão foi barrado por Tite na véspera do jogo.

Corinthians marcou bem e não sofreu gols
Gazeta Press
Corinthians marcou bem e não sofreu gols

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

Foram nove seguidos sofrendo gols: Ceará (2), Atlético-MG (2), Figueirense (2), Palmeiras (2), Grêmio (2), Coritiba (2), Flamengo (1), Fluminense (1) e Santos (3). Foram 17 gols sofridos em nove jogos. Nos 10 primeiros jogos do campeonato o time sofreu apenas quatro. São 26 ao todo.

Veja a tabela do Campeonato Brasileiro

"O importante era não perder. Não podíamos repetir a atuação que tivemos contra o Santos. Conquistamos um ponto. Marcamos bem e isso precisa valorizado. Continuamos na briga, lá na frente", disse o meia Alex, que pouco criou no jogo, mas teve participação decisiva na marcação.

O Corinthians chegou a 44 pontos e se mantém um atrás do São Paulo, que tem a mesma pontuação do Vasco. O time carioca joga contra o Atlético-GO nesta quinta-feira. "Nossa defesa não tinha entrosamento e como resultado está de bom tamanho. O principal foi não tomar gols, que vínhamos tomando muito, e não perder. O empate está de bom tamanho", disse o volante Ralf, que criticou a postura de Chicão de negar-se a ir para o banco no clássico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.