Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com mistério, Coritiba busca reencontrar vitórias diante do Ceará

Times disputam jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil. Primeira partida, em Fortaleza, ficou 0 a 0

Leonardo Fagundes, iG Curitiba* |

Sem vencer e também sem marcar gols há três partidas, o Coritiba decidiu esconder o jogo. Afinal de contas, precisar reverter a situação dos últimos jogos e vencer o Ceará se quiser avançar para a final da Copa do Brasil, já que o primeiro jogo terminou 0 a 0, em Fortaleza. O time pode também empatar novamente sem gols e apostar na loteria dos pênaltis para saber quem vai para a decisão. No entanto, esse parece não ser objetivo do Coritiba, que quer garantir a vaga já nos 90 minutos.

Para isso, o técnico Marcelo Oliveira optou pelo mistério. Nesta terça-feira, ele comandou um treino com portões fechados, principalmente para corrigir erros de marcação e treinar jogadas de bola parada.

“Nós optamos por fechar (o treino) e criar algumas novas situações, para que, se a gente for bem marcado, a gente possa ter alternativas”, revelou o treinador, sabendo que uma falta ou escanteio podem decidir o jogo e a classificação.

“Não teve nada de substancial. É marcação de bola parada, uma ou outra jogada de falta. No último jogo, tivemos muitas faltas pelo fato de o adversário jogar fechado e marcando forte, mas aproveitamos pouco. Isso é um tipo de jogada que se decide jogos”, disse.

O time também segue indefinido e será divulgado somente pouco antes do início do jogo. No entanto, a tendência é que a equipe seja mantida, alterando apenas o posicionamento dos jogadores.

“Nós também fizemos essa opção. Temos um grupo de jogadores todos em condição de jogar, de mudar uma situação. A gente escala antes do jogo e vamos fortes para cumprir essa oportunidade única, esse momento que construímos de virar história no clube, fazer uma coisa inédita, que é ir para uma final de Copa do Brasil”, finalizou confiante o técnico.

Já o Ceará desembarcou no início da semana na capital paranaense para se aclimatar e ainda conseguir fazer um treino antes do jogo decisivo.

O técnico Vágner Mancini ainda tem pelo menos uma dúvida para escalar a equipe, já que Fabrício ainda passará por uma avaliação médica da terça-feira para saber se será liberado pelo departamento médico.

Outro que estava vetado e deve reaparecer entre os titulares é Boiadeiro. Neste caso, Diego Macedo deve ficar como opção no banco de reservas.

FICHA TÉCNICA: CORITIBA X CEARÁ

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 25 de maio de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Alessandro A. Rocha de Matos

CORITIBA: Edson Bastos; Jonas, Demerson, Cleiton e Eltinho; Leo Gago, Leandro Donizete, Davi, Rafinha e Anderson Aquino; Bill.
Técnico: Marcelo Oliveira.

CEARÁ: Fernando Henrique; Diego Macedo (Boiadeiro), Fabrício, Erivélton e Vicente; Michel, João Marcos, Thiago Humberto e Geraldo; Iarley e Washington (Marcelo Nicácio).
Técnico: Vágner Mancini

* Com Gazeta Esportiva

Leia tudo sobre: Copa do Brasil 2011cearácoritiba

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG