Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com melhor ataque do Brasileiro, Fla sofre com seus atacantes

Wanderley, atual titular, e Deivid, ambos com sete gols em 2011, vivem um intenso rodízio na temporada

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

Alexandre Vidal/Agência FotoBR
Wanderley foi titular contra o Atlético-PR
O Flamengo tentou a contratação de Vagner Love, do CSKA Moscou, e não conseguiu. Viu passar Borges, ex-Grêmio, que foi para o Santos. A negociação com André, do Dínamo de Kiev, segue e começa a virar a novela. Todo esse esforço é para tentar encontrar uma solução para o ataque do time, que vive um rodízio desde o começo da temporada, mostrando o contraste entre os números do melhor ataque do Campeonato Brasileiro (9 gols) e dos seus atacantes de ofício (2 gols).

Siga o iG Flamengo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Wanderley, atual titular, e Deivid se revezam na posição de titular. O capítulo mais recente da disputa foi o empate em 1 a 1 com o Atlético-PR, domingo, na Arena da Baixada, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, que deixou o Flamengo apenas na 11a colocação, com seis pontos, seis a menos do que o líder São Paulo.

Entre para a Torcida Virtual do Flamengo e convide seus amigos

O técnico Vanderlei Luxemburgo escalou Wanderley mais uma vez como titular, como já havia acontecido nos outros três jogos no Brasileiro, completando cinco seguidos no ano. Deivid entrou no intervalo e fez sua estreia na competição, marcando o gol salvador. Ambos têm sete gols na temporada, o que aumenta a igualdade na disputa.

Com 23 jogos, Wanderley foi quem mais jogou. No entanto, fez apenas 13 como titular. Já Deivid começou a partida em 16 oportunidades de um total de 21. Diego Maurício corre por fora, mas fez apenas um jogo como titular dos 17 que disputou em 2011, com três gols marcados. Ele entrou em todos os jogos do Brasileiro deste ano no segundo tempo. O artilheiro do time no ano é Thiago Neves, com 10 gols.

“Estou esperando minha oportunidade. Tenho um grande respeito pelo professor Luxemburgo e quando ele achar que mereço, estarei pronto para ajudar. Quero muito ser titular, todo jogador trabalha para isso. Mas estou feliz de qualquer jeito. Espero ajudar sempre”, afirmou Diego Maurício, que fez o passe para o gol de Deivid contra o Atlético-PR.

O próximo jogo do Flamengo, um dos quatro invictos no Brasileiro, é contra o Botafogo, domingo, no Engenhão, pela quinta rodada da competição. Luxemburgo começará a trabalhar nesta terça-feira no Ninho do Urubu, mais uma vez tentando acertar a pontaria de seu ataque, seja ele com Wanderley, Deivid ou Diego Maurício.

null

Leia tudo sobre: FlamengoBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG