Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com Kaká titular, Real Madrid goleia o CSKA e vai às quartas

Meia faz bom primeiro tempo, com direito a belas jogadas e assistência. Próximo rival sai de sorteio

iG São Paulo |

Com Kaká atuando como titular, o Real Madrid goleou o CSKA Moscou por 4 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Santiago Bernabéu, e se classificou para as quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. O primeiro jogo, disputado na capital russa, terminara empatado por 1 a 1.

O argentino Higuaín, aproveitando passe de Kaká, marcou o primeiro gol da partida, na primeira etapa. Já o português Cristiano Ronaldo (que marcou também no jogo de ida) contou com um frango do goleiro Chepchugov, na etapa final, para marcar o segundo. Já nos acréscimos ele faria o quarto do Real. Benzema fez o terceiro, e Tosic marcou o gol de honra do CSKA.

Leia ainda: Mano indica portas fechadas para Kaká, Lúcio e Robinho

O adversário do Real nas quartas sai de sorteio a ser realizado pela Uefa na próxima sexta-feira.

Embora não tenha sido exatamente organizado, o Real Madrid jogou bem e sufocou o rival russo durante toda a partida. E um dos destaques deste domínio foi Kaká, aparentemente disposto a deixar o técnico Mano Menezes arrependido de deixá-lo de lado na seleção brasileira.

Após se movimentar bastante, ele deixou o campo aos 31 da segunda etapa.

Xabi Alonso, Özil, Cristiano Ronaldo, Khedira e Kaká tocaram a bola em velocidade, variando jogadas pelos dois lados do campo, o que deixou o sistema defensivo do CSKA a ver navios.

O primeiro gol do jogo, marcado aos 26 minutos do primeiro tempo, foi um claro exemplo da boa movimentação do time branco. Khedira recebeu pela direita da área, fez bela jogada e levantou para a esquerda, onde Kaká dominou antes de rolar para a pequena área. Higuaín, ligado, apareceu para marcar.

O que faltava ao Real era justamente maior poder de fogo na definição de jogadas. Embora circulasse à frente da área do CSKA durante todo o tempo, o time de Mourinho pouco finalizava.

Veja mais: Kaká diz que deseja permanecer e triunfar no Real Madrid

A segunda etapa mostrou outro panorama. Muito porque o goleiro Chepchugov deu uma colaborada e tanto. Logo aos 10 minutos, ele aceitou um chute de longe do português Cristiano Ronaldo, deixando a bola passar sobre seus braços até morrer no fundo da rede.

AFP
Cristiano Ronaldo aproveitou frango do goleiro no primeiro gol
A boa vantagem do Real colocou fogo no jogo. Os donos da casa seguiram pressionando, mas o CSKA, por sua vez, também colocou as mangas de fora e passou a se arriscar mais. O time russo chegou a marcar um gol, corretamente anulado por impedimento.

Aos 25 minutos, porém, o francês Benzema, que se recuperou de lesão e entrou em campo um minuto antes na vaga de Higuaín, recebeu passe de Sergio Ramos e chutou duas vezes para marcar o terceiro. Na primeira, Chepchugov defendeu com as pernas, mas a bola voltou para o francês, que não perdoou.

Disposto a seguir sonhando, o CSKA fez um belo gol aos 31, quando o sérvio Tosic recebeu do habilidoso Dzagoev, cortou Pepe e chutou sem chance para Casillas. Aos 49, no entanto, Cristiano Ronaldo aproveitou cruzamento de Benzema para tocar para dentro e transformar a vitória em goleada.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID 4 x 1 CSKA MOSCOU

Local: Estádio Santiago Bernabéu, em Madri (ESP)
Data: 14 de março de 2012, nesta quarta-feira
Horário: 16h45 (de Brasília)
Árbitro: Stéphane Lannoy (FRA)
Assistentes: Eric Dansault e Frédèric Cano (ambos da França)

Cartões amarelos: Xabi Alonso (Real); Chepchugov, V. Berezutski, Mamaev e Musa (CSKA)

GOLS
Real: Higuaín, aos 26 do 1º tempo; Cristiano Ronaldo, aos 10 e aos 49, e Benzema aos 25 do 2º.
CSKA: Tosic, aos 31 do 2º tempo.

REAL MADRID: Casillas; Sergio Ramos, Pepe, Arbeloa e Marcelo; Xabi Alonso e Khedira; Kaká (Granero), Özil (Diarra) e Cristiano Ronaldo; Higuaín (Benzema)
Técnico: José Mourinho

CSKA: Chepchugov; A. Berezutski, V. Berezutski, Ignashevich e Schennikov; Mamaev (Aldonin) e Wernbloom; Oliseh (Musa), Dzagoev e Necid (Tosic); Doumbia.
Técnico: Leonid Slutski

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG