Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com Jorginho sob pressão, Figueirense enfrenta jejum de vitórias

Técnico pode ser demitido se o time seguir em má fase e tiver um novo resultado ruim contra o Botafogo

Gazeta |

Depois de um bom início no Brasileirão, o Figueirense acumula uma sequência de seis jogos sem vitória. Nesta quarta-feira, contra o Botafogo, no Engenhão, o time, que começa a sofrer pressão, busca retomar o caminho dos triunfos.

Para dar apoio ao grupo, o diretor de futebol do clube, Marcos Moura Teixeira, após conversar com a equipe catarinense, afirmou acreditar na recuperação do time contra o Glorioso. Segundo ele, o Brasileirão é um torneio complicado, e a torcida precisa acreditar na reação do time.

Sobre Jorginho, o dirigente não quis responder se o treinador será demitido, caso o time tenha um novo resultado ruim. O auxiliar de Dunga durante a passagem do ex-volante pela seleção brasileira já comandou o Figueira em 22 jogos, com um retrospecto de nove vitórias, seis empates e sete derrotas.

Contra o alvinegro carioca, o treinador terá três desfalques: os laterais Pablo e Bruno, além do atacante Aloísio, todos fora por lesões. Em compensação, o meio-campista Maicon, que cumpriu suspensão automática diante do Bahia, deve voltar à equipe.

Leia tudo sobre: brasileirão 2011figueirense

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG