Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com Jonathan, Santos conclui negociação "lucro certo"

Após acordo com a Inter, clube recebe 30%, e a Teisa, grupo de investidores e conselheiros, fica com 20%

Samir Carvalho, iG Santos |

Samir Carvalho, enviado iG a Assunção
Jonathan durante viagem na vitoriosa campanha da Libertadores
O lateral-direito Jonathan assinou na tarde desta quarta-feira um contrato de quatro anos com a Inter de Milão , da Itália. Temendo perder o lateral Maicon para o Real Madrid , da Espanha, o clube italiano investiu 5 milhões de euros (aproximadamente R$ 11 milhões). A venda de Jonathan já estava planejada desde a contratação do jogador, em janeiro.

O iG apurou que o Santos deve receber apenas 1,5 milhão de euros (R$ 3,3 milhões), já que possui apenas 30% dos direitos econômicos do atleta. O motivo é que os dirigentes santistas venderam 20% dos direitos para a empresa Teisa (Terceira Estrela Investimentos S/A), grupo de investidores e conselheiros do clube.

Entre para a torcida virtual do Santos e melhore a posição do clube no ranking

O Santos lucrou 300 mil euros (R$ 662 mil) e a Teisa, 200 mil euros (R$ 441 mil) na transação de Jonathan para a Inter de Milão. O Cruzeiro ficou com a maior parte da transação, já que possuía 50% dos direitos econômicos do atleta, e embolsou 2,5 milhões de euros (R$ 5,5 milhões) na saída do jogador para o futebol italiano.

Isso porque o Santos desembolsou 1,2 milhão de euros (R$ 2,6 milhões) por 30% do atleta, e a Teisa adquiriu outros 20% por 800 mil euros (R$ 1,7 milhões). Apesar de vender o jogador por 5 milhões de euros, segundo a assessoria de imprensa do clube, o Santos exigiu 3 milhões de euros para liberar o atleta, e o Cruzeiro ficará com os outros 2 milhões de euros na transação.

Siga o Twitter do iG Santos e receba notícias do time em tempo real

Como a venda de Jonathan era tratada como certa desde que o jogador chegou ao clube em janeiro, a transação gerou desconfiança do grupo oposicionista do Santos, pois os investidores da Teisa são integrantes do Grupo Guia (Gestão Unificada de Inteligência e Apoio ao Santos), que administra o clube ao lado do presidente Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro.

Jonathan conquistou o Campeonato Paulista e a Copa Libertadores da América, e deixou o clube sem perder uma partida. No total, foram 20 jogos, com 14 vitórias, 6 empates e dois gols marcados.

"Em primeiro lugar, quero agradecer a Deus por sempre ter me dado a chance de jogar em três dos maiores clubes do futebol mundial, como foi o caso do Santos, do Cruzeiro e, agora, da Internazionale. Infelizmente, não tive tempo de me despedir dos meus companheiros, tanto do Santos quanto do Cruzeiro. Mas quero deixar aqui meu muito obrigado aos jogadores, diretorias e comissões técnicas, principalmente ao Adílson Batista e ao Muricy Ramalho, pois aprendi muito com todos eles”, disse Jonathan, que deixou o clube sem se despedir dos companheiros de time.

Leia tudo sobre: santosjonathaninter de milãoteisacruzeiro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG