Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com grande atuação do goleiro e gol de Alex, Spartak bate o Ajax

Time russo, do meia que já defendeu o Inter, conseguiu um bom resultado fora de casa pela Liga Europa

Gazeta |

Ajax e Spartak Moscou jogaram, nesta quinta-feira, partida válida pelas oitavas de final da Liga Europa. Com o goleiro Dykan em jornada inspirada e um belo gol do brasileiro Alex, ex-Internacional, o time russo conseguiu um bom resultado e venceu fora de casa, por 1 a 0.

Nas estatísticas, o Ajax mostrou-se amplamente superior: a equipe teve 20 chances de gol, contra apenas três do Spartak, mas, as boas defesas de Dykan, destaque da equipe russa, evitaram que o time da casa saísse na frente no duelo.

O Spartak, que ainda tem os brasileiros Ibson, ex-Flamengo, Rafael Carioca, ex-Grêmio e Vasco, e Welliton, ex-Goiás, receberá o Ajax no dia 17 de março. Para se classificar, a equipe holandesa precisa vencer por dois ou mais gols de diferença ou por diferença de um gol a partir do placar de 2 a 1.

O jogo
Atuando em casa, o Ajax começou com mais posse de bola e pressionando o Spartak. No primeiro minuto, Blind chutou de fora da área, rasteiro, para a primeira boa defesa do goleiro Dykan. Aos 21 minutos, De Zeeuw chutou de fora de área e novamente Dykan espalmou.

No final do primeiro, após cobrança de escanteio, o atacante De Jong subiu mais que seus marcadores e cabeceou. O goleiro do time russo se esticou e praticou outra grande defesa, evitando que a equipe fosse para o intervalo com desvantagem no placar.

Na segunda etapa, a equipe visitante passou a tocar mais a bola e não começou tão acuada quanto no primeiro tempo. Aos 10 minutos, De Zeeuw de cabeça, parou novamente no goleiro Dykan. No minuto seguinte, o Ajax foi castigado pela quantidade de chances perdidas. Após receber a bola no lado direito, o brasileiro Alex tirou dois adversários da jogada e chutou forte de esquerda, abrindo o placar para o Spartak.

O Ajax seguia buscando o empate e, aos 27 minutos, após chute de fora da área de Ebecilio, Dykan espalmou, evitando o gol de empate do time mandante. Com o final da partida próximo, o Ajax começou a tentar chutes de fora da área. Aos 39, Ebecilio novamente chutou, e Dykan praticou outra bela defesa. Nos acréscimos, o Ajax teve a última grande oportunidade: após chute da esquerda, Dykan, com a ponta dos dedos, colocou a bola para escanteio e garantiu a vitória do Spartak, que tentará, em casa, ratificar sua classificação às quartas de final da Liga Europa.

Leia tudo sobre: liga europarússiaholandaajaxfutebol mundialspartak

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG