Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com goleada, Andrés ganha outro álibi para briga contra o Morumbi

Desde a decisão de não jogar mais no estádio rival como mandante, Corinthians marcou 17 gols no São Paulo no Pacaembu

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Após o primeiro duelo entre Corinthians e São Paulo válido pelo Paulistão de 2009 no Morumbi, o presidente corintiano Andrés Sanchez prometeu que nunca mais iria jogar no estádio são-paulino como mandante na sua gestão. Sem poder dividir as arquibancadas meio a meio no estádio do rival, Sanchez bancou o Pacaembu para sediar os grandes jogos do clube e pelo menos nos confrontos contra o São Paulo, não se arrepende. Longe disso.

Futura Press
Com goleada protagonizada por Liedson, Corinthians confirmou boa fase no Pacaembu

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

De lá para cá, o Corinthians mandou cinco clássicos contra o São Paulo no Pacaembu e somou cinco vitórias. Foram 17 gols pró e apenas cinco sofridos. A goleada deste domingo, por 5 a 0 , só dá razão a Andrés de não querer mais jogar como mandante no Morumbi. Ainda mais contra o São Paulo.

Entre para a torcida virtual do seu time e convide seus amigos para entrarem também

“Eu falei que não ia jogar contra o São Paulo e contra qualquer clube como mandante. Não compensa para mim e não compensa para o Corinthians”, disse Andrés após a goleada deste domingo. “No Pacaembu a gente leva vantagem porque o aluguel é mais barato e estamos indo bem por aqui”, completou.

Em 2009, o Corinthians fez uma das semifinais do Paulistão no estádio e venceu por 2 a 1, gols de Elias e Cristian. Miranda marcou para o São Paulo. Durante o Brasileiro daquele, no jogo do primeiro turno, nova vitória: 3 a 1. Chicão, Cristian e Jucilei marcaram para o Corinthians e Richarlyson descontou.

No ano seguinte, em mais dois jogos contra o São Paulo no estádio municipal, o Corinthians venceu por 4 a 3 no Paulistão (gols de Danilo, Elias, Roberto Carlos e Alex Silva, contra, para o Corinthians e Rodrigo Souto, duas vezes, e Jean para o São Paulo) e por 3 a 0 no primeiro turno do Brasileirão (gols de Elias, duas vezes, e Jucilei).

Leia tudo sobre: corinthianssão paulobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG