Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com gol de Neymar, Santos vence a Ponte e chega à semifinal

Classificado, a equipe santista enfrentará agora o vencedor do duelo entre São Paulo e Portuguesa

Samir Carvalho, iG Santos |

Apesar de sofrer uma pressão da Ponte Preta no final do jogo, o Santos venceu por 1 a 0 neste sábado, na Vila Belmiro, e conquistou a classificação para a semifinal do Campeonato Paulista. O gol solitário da equipe santista foi marcado pelo atacante Neymar , que chutou forte de perna esquerda para fazer o gol.

O Santos dominou o jogo no primeiro tempo, principalmente com as jogadas individuais de Neymar. No entanto, a Ponte Preta melhorou na segunda etapa, pressionou no final da partida e quase empatou com um chute de Rômulo, que acertou a trave.

O lateral-esquerdo Léo deu um susto na torcida e na comissão técnica. O atleta, que jogou com a camisa 99 para homenagear o aniversário do clube, deixou o campo chorando na segunda etapa. Após uma dividida com Guilherme, o lateral reclamou de fortes dores no joelho, pediu atendimento médico e foi substituído por Alex Sandro . Minutos depois, porém, já estava mais calmo, explicou que foi apenas uma pancada e não deve ser preocupação para o jogo contra o América-MEX, pela Libertadores.

Após o duelo contra a Ponte Preta, o Santos volta as atenções para a Copa Libertadores da América. Na próxima quarta-feira, a equipe santista enfrenta o América, do México, às 21h50 (de Brasília), na Vila Belmiro, pelas oitavas de final da competição continental. No Paulista, a equipe de Muricy Ramalho aguarda o adversário da semifinal, que sairá do vencedor da partida entre São Paulo e Portuguesa , que jogam neste domingo, na Arena Barueri.

O jogo
A partida começou equilibrada. O Santos obtinha mais a posse de bola, mas foi a Ponte Preta que quase abriu o marcador. Aos quatro minutos, o volante Arouca errou o passe na entrada da área e tocou a bola nos pés de Renatinho, que invadiu a área e tentou encobrir o goleiro Rafael, que fez uma grande defesa e salvou o Santos.

A equipe santista respondeu três minutos depois. Elano cobrou falta da intermediária e a bola passou perto da trave direita do goleiro Bruno. Aos onze minutos, Elano voltou a assustar a Ponte Preta em cobrança de falta. Desta vez, o meia cobrou da entrada da área e Bruno fez uma boa defesa.

O Santos tentava dominar as ações da partida. Ganso lançou Neymar dentro área. O atacante driblou o defensor e chutou rasteiro, a bola acertou a rede do lado de fora. A equipe da Ponte errava muitos passes e não conseguia sair jogando. Neymar roubou a bola do zagueiro na entrada da área, tocou para Elano e correu para receber a bola. O camisa 11 dominou, driblou o marcador e chutou forte de perna esquerda para abrir o marcador.

null

Aos 28 minutos, Neymar e Ganso tabelaram na entrada da área e o camisa 11 recebeu a falta. Na cobrança, Elano quase acertou o ângulo do goleiro. Foi a terceira cobrança de falta desperdiçada pelo camisa 8. No final do primeiro, o volante Danilo perdeu uma boa oportunidade de ampliar o marcador. Após cruzamento do lateral Jonathan, a bola sobrou para Danilo na entrada da pequena área, mas o volante chutou por cima do gol de Bruno.

Na segunda etapa, o Santos foi pressionado pela Ponte Preta nos minutos iniciais. Aos sete minutos, Válber dominou a bola dentro da área, driblou o marcador e chutou rasteiro para defesa tranquila de Rafael. No entanto, o Santos quase marcou o gol devido a habilidade de Neymar. O atacante driblou o marcador e chutou rasteiro de perna esquerda, obrigando Bruno a fazer uma grande defesa.

Aos 22 minutos do segundo tempo, o lateral-esquerdo Léo reclamou de uma torção no joelho após uma dividida com Guilherme. O camisa 99 foi substituído por Alex Sandro e deixou o campo chorando. Aos 34 minutos, a Ponte Preta quase empatou o jogo. O atacante Rômulo invadiu a área e chutou forte, acertando a trave de Rafael.

Insatisfeito com a equipe, Muricy fez duas alterações: sacou Zé Eduardo e Elano para as entradas de Keirrison e Adriano, respectivamente.O Santos sofreu uma pressão no final, mas segurou o resultado e garantiu a classificação para a semifinal do Paulista.

Ficha Técnica – Santos 1 x 0 Ponte Preta

Estádio: Urbano Caldeira Cidade: SANTOS
Data: 23/04/2011 (sábado)
Horário: 16:00 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Braghetto
Auxiliares: Carlos Augusto Nogueira Junior e Fabio Luiz Freire
Público: 11.225
Renda: R$ 402.740
Cartões amarelos: Arouca e Danilo (Santos) Leandro Silva, Gil e Valber (Ponte Preta)

Gol:
Santos – Neymar aos 21 minutos do primeiro tempo

Santos: Rafael, Jonathan, Edu Dracena, Durval, Léo (Alex Sandro); Arouca (Adriano), Danilo, Elano (Adriano), Paulo Henrique Ganso; Neymar e Zé Eduardo (Keirrison).
Técnico: Muricy Ramalho

Ponte Preta: Bruno; Guilherme (Eduardo Arroz), Leandro Silva, Ferrón e João Paulo; Mancuso (Renan), Josimar, Gil e Válber; Renatinho e Márcio Diogo (Rômulo).
Técnico: Gilson Kleina

Leia tudo sobre: santoscampeonato paulista 2011ponte pretaneymar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG